((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

O.M. AÏVANHOV – 26-01-2014

***
***

Eu sou O.M. AÏVANHOV, aproveito este dia para continuar a compartilhar com vocês.
Eu pedi a este canal para falar em francês, por ser um pouco mais direto nessas pequenas precisões que lhes darei a maneira de conclusão.

Então, perdoem este canal o nível de gramática e a linguagem.

Hoje, a minha presença é muito intensa entre vocês.
É difícil, nesta Casa, escapar da minha presença, não é?
Hoje puderam constatar.

Então, em primeiro lugar, vou lembrá-los do que foi dito por MARIA, em relação a essa revelação ao Centro do Centro, o Coração de Fogo, o Coração Sagrado, essa fusão da Nova Aliança.

Então, é para centrarem-se no que há a viver, agora, nesse Templo, como a consumação do Fogo no si desse corpo, no qual a Luz vem revelar-se. Uma vez revelada nesse Templo, a Luz vem irradiar por toda a parte, e vem juntar-se à FONTE, e isso acontecerá nessas semanas, através do Centro do Centro.

Também, observado o que terá acontecido esta semana, vocês constatam que essa interiorização, esse aprofundamento leva-os à sua Verdade, à Paz e ao Amor que são a sua própria natureza.

Pudemos constatar o que acontece quando tentam levar esse Amor, essa Paz ao exterior, se continuam a olhar como antes, à maneira antiga. Então, vocês viram que, se há um esforço para manter algumas aparências, alguns sorrisos, qualquer que seja a observação exterior, então, vocês darão validade ao efêmero, ao que não tem verdadeira validade.

Então, isso é para dizer-lhes que tudo o que foi vivido durante esta reunião, durante essa celebração, é para que se integrem bem ao Centro do Centro, em sua profundidade, e isso se revela sem qualquer esforço de sua parte.


Vocês constatarão, assim, cada vez mais, que a Verdadeira vida não necessita de qualquer esforço, não é?

Então, se vocês se esforçam, qualquer que seja a situação, perceberão que vão à outra direção.
Vão perceber muito rápido, agora, porque fizeram a experiência.

Aproveito, também, para convidar a todos os Melquisedeques, nesse instante, então, aproveitem essa reunião, esse Fogo.

... Vibração do Fogo com a Assembleia dos Melquisedeques...

Como eu disse, não há qualquer autoridade em relação a CRISTO, em relação à sua Iluminação, à sua Liberação. Então, pode ser que, em sua cabeça, haja muitos conceitos, muitas explicações, tentem encontrar as respostas a muitas perguntas que venham ao seu mental.


Porém, se alguém continua nesse questionamento, “Fique Tranquilo”, no centro de seu Coração, não procure viver o que não está aqui. Não procure viver o que não é vivido nesse instante.

Se vocês são um pouco observadores, terão constatado que todas as mensagens que estão chegando, atualmente, qualquer que seja a consciência, vão, todas, à mesma direção, que é liberá-los de tudo o que vocês colocaram no meio, que os separa de sua Liberdade, de sua Alegria.

De fato, é apenas alguém, mesmo, que, continuamente, é separado, no pensamento que “não é isso”, no pensamento “não, eu não tenho que viver outra coisa”. Então, esse Abandono do qual, também, temos falado, é isso: é aceitar o que se vive a cada instante, sem perguntar-se qualquer outra coisa.

Para deixar as coisas bem claras, esse Abandono, podemos assimilá-lo a uma Integração, não é?
Não é a fuga que solucionará algo de tudo isso, é a Integração do que vivem que os fará ir ao Abandono.


Abandono do apego, da vontade de controlar para que isso vá a tal direção, a tal outra direção.
Abandonar-se é isso, não é abandonar a coisa mesmo.
Espero que isso esteja claro para todos.

Então, quero dizer, também, que não há qualquer autoridade aqui, nesta Casa, qualquer que seja o canal, as consciências, e as vozes que falem, não há mais máscaras, nem papeis que havia antes da Unidade, da Verdade e da Luz que somos, todos juntos, e o somos porque estamos juntos.

Não quero repetir todas as coisas.
Estou muito feliz por ter sua presença aqui, por ter podido celebrar dessa maneira, e isso continuará por toda a Eternidade, se vocês quiserem, não é?

Eu os deixo celebrarem com o Coração dos ELOHIM, nesse Coração do Um, que se revela, nesse Coração de Fogo Sagrado, esse Centro do Centro que se incendeia, e incendiará até que a borboleta saia e voe.

Então, eu agradeço a todos, continuaremos juntos, permanecerei ao seu lado, onde quer que vocês estejam, nesse mundo, como em outros mundos, como em qualquer mundo.

Graças a todos.

---------------------------
Transmitido por Sijah Sirius, do Coletivo do Um.
http://cordefoc.blogspot.com.es/2014/01/om-aivanhov-26-de-gener-2014.html
(versão eletrônica do catalão, adaptada)


 AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
 
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://leiturasdaluz.blogspot.pt/

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


sábado, 25 de janeiro de 2014

RÛMÎ - 25-01-2014 - Por Air

***
***

Eu sou RÛMÎ, e eu vou agora desenvolver sobre o que é a vida, o oceano da vida no qual todos nós estamos imersos, no qual todos nós ficamos de certa maneira perdidos, quando nós estamos encarnados.

Então, nós nadamos, nós nos debatemos em todos os sentidos, a fim de tentar chegar a uma costa, mas nós nada vemos.

Então, ainda e novamente, nós nadamos, nadamos, nadamos...

E alguém vem nos dizer: “Abandone isso!” e nós respondemos para ele: “Se eu desistir, se eu parar todos os movimentos, então eu me afogo.”.

E o indivíduo volta de novo nos dizendo: “Abandone! Abandonem todos! Parem de nadar!”. E aí, continuando nossos movimentos, nós o olhamos e nós nos dizemos que ele deve estar louco.

Então, ele volta e nos diz: “Abandone! Abandonem todos! Vejam, nós temos pé!”.
Assim é a vida, na qual vocês se afogam quando vocês têm pé.

Assim é a vida: nós nos movimentamos, movimentamos em todas as direções sem conhecer o sentido disso. Então, agora, eu vou lhes dizer de novo: “Abandonem, vocês têm pé... Para que se esforçar?”.

Aí, em pé, nós podemos então perceber, de outra forma, o nosso posicionamento...
A ação da vida é totalmente outra quando ela é impulsionada e levada pelo Pai e pela Mãe, permitindo revelar a Graça em Ação.

Isso já lhes foi dito: a Graça é o fruto, fruto da União, fruto dos Reencontros sagrados, em vocês.

Isso já foi dito a vocês de muitas maneiras, especialmente quando CRISTO lhes dizia: “Vocês são o sal deste mundo”.

O sal pode ser visto de vários modos. Os químicos vão lhes dizer que ele é obtido da reação de um ácido com uma base.

Não importa. Ele representa efetivamente a União do Masculino e do Feminino.

E o fruto é a Ação, a Ação da Graça, bem longe da ação desenvolvida pela personalidade que não sabe o que fazer, que não sabe aonde ir.

Dito de outra forma, alguns lhes disseram: “Dancem a Vida!”. 
“Dançar a Vida significa, evidentemente, ter reconhecido a Vida e revelá-la no seu cerne...”

... Silêncio ...

É por isso que muitos intervenientes insistiram no fato de reconhecerem aí onde vocês estavam colocados. Cada um é chamado a se banhar no Espírito, cada um é chamado a receber a Água do Alto, cada um é chamado a revelar a Graça.

Mas não confundam a árvore e o fruto. 
A Graça é o fruto que se revela por si só quando vocês acolheram a sua Verdade.

Então, procurar um posicionamento que fosse apropriado a cada um, agora, é chegar a esta conclusão: apenas no Interior é que vocês podem saber onde vocês estão colocados, e o que vocês acolhem.

A Graça se manifesta quando vocês tiverem encontrado a Verdade.

Antes disso, as ações que vocês realizam, impulsionadas pela personalidade, parecem muito com aqueles que nadam, ainda e sempre, neste oceano no qual podemos caminhar.

Eis o essencial do que eu desejava desenvolver junto de vocês, hoje. 
Se houver perguntas sobre isso, eu quero responder.

Não há perguntas.

Eu os convido ao Banquete da Vida, colocado nos braços da Mãe e do Pai, a fim de Celebrar, a fim de Dançar com toda Leveza.

Na Graça do Bem Amado, até logo.


Mensagem do Venerável RÛMÎ (MEVLANA) recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
25 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
 
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


Meditação Vibral na Presença de MARIA - 25-01-2014 - Por Air

***
***


Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra.

Eu venho, esta manhã, no seu espaço de Meditação Vibral, a fim de propor a vocês um Banho em meio à Mãe Divina...

Banho de Amor, reconhecido por todas as suas células, cantando a Glória da Mãe.

... Silêncio ...

E eu os convido a deixar todas as suas células juntarem-se ao casulo da Mãe Divina, a fim de vocês ali se fundirem nesse Banho de Amor, aí onde todas as palavras são simples, onde todas as cores são tênues para descrever esses reencontros...

... Silêncio ...

Nós poderíamos dizer também que cada palavra encontra aqui vigor, um novo brilho, que se trata do Amor, da Alegria, da doçura, da Maternidade... tudo isso escrito em letras douradas...

... Silêncio ...

A segurança, que ontem ainda o impedia de se abandonar, encontra agora um novo eco. Tendo deixado tudo, a segurança vem rimar com o Amor, Amor de uma Mãe para a sua carne...

... Silêncio ...

Aí, neste canto aconchegante, neste espaço de brandura, aí onde tudo é quietude, você repousa em Paz, sem nada mais desejar...

... Silêncio ...

E aí, na palma das minhas mãos, nesse casulo onde o Amor o rodeia, onde você penetra, recebamos o Fogo do Espírito, recebamos o Pai vindo fusionar na Mãe Divina, deixando na sua passagem apenas o Êxtase...

... Silêncio ...

Cada respiração se torna então o suporte do encontro do Pai e da Mãe, do encontro do Feminino e do Masculino sagrados...

... Silêncio ...

Este Banho de Amor, este Êxtase, estão presentes a cada instante, colocados fora de todo tempo e de todo espaço.

Tudo está pronto, sobre a Terra como no Céu. 
Tudo está pronto em você. 
Eu disse isso ontem a você, e eu o mostro Agora.

Filho, ouça o meu Apelo, ouça o meu incitamento para colocá-lo nesse Banho de Amor, para colocá-lo no Êxtase...

... Silêncio ...

Se você decidir retornar em meio ao espaço e o tempo, eu lhe digo até breve. 
Mas se você desejar permanecer no meu seio, então, que assim seja.


Meditação Vibral na Presença de MARIA recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
25 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
 

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


YVONNE AMADA DE MALESTROIT - Estrela de Maria - 24-01-2014 - Por Air

***
***

Eu sou YVONNE AMADA DE MALESTROIT e eu venho ao seu encontro, muito feliz de vir compartilhar este momento de Celebração.

Momento de Celebração porque, na Verdade, cada momento colocado fora do seu tempo é uma Celebração, uma manifestação da Graça, uma Dança da Vida.

Então, juntos, façamos deste instante, como de cada instante, uma Celebração...

Neste tempo de Celebração, eu me proponho a desenvolver o que é Acolher CRISTO, o que é Viver em CRISTO, e o que é a Graça.

Então, tudo isso já foi desenvolvido em várias ocasiões. Eu venho propor a vocês um testemunho em função do que foi a minha experiência na encarnação.

Porque, vocês sabem, eu fui a sua Bem Amada, como Ele foi o meu Bem Amado.

Isso levou toda a minha vida, toda a minha vida, eu apenas tinha desejado me colocar ao Seu Serviço, que Ele fizesse de mim o que Ele quisesse.

A sua Presença bastava para me preencher de Alegria. A sua ausência era uma dor sem nome. Isso, evidentemente, vocês puderam ler na história contada da minha vida. Quando CRISTO vinha ao meu encontro, eu ficava transformada, levada pela Graça, no Êxtase.

Quando Ele se retirava, eu ficava desesperada, muito além das palavras e dos sentimentos humanos. Querer se oferecer a cada instante, estar disponível para servi-Lo, qualquer que seja a forma, leva-os a viver a Graça.

Porque, mesmo o que pode parecer sofrimento é uma Graça, quando ele é colocado nas mãos do Bem Amado. Bem Amado, presente em cada Um, encontrado em cada um. Portá-Lo em si é vê-Lo nos olhos do seu vizinho.

Servir o Bem Amado é servir a Vida. Então, naquele momento - vocês sabem disso, os testemunhos são muitos - pode parecer o que vocês chamam de milagre.

Mas, o que é um milagre? É simplesmente a realização, a materialização do que lhes parecia impossível. O que pode ali ter de impossível para o Bem Amado, fonte da Vida, revelando a Criação?

Há apenas milagre, porque há evidência de que isso não pode existir. A evidência, como lhes disse o Arcanjo ANAEL, é, em última análise, um muro que os separa do Bem Amado.

O milagre, isso não é uma lágrima que se torna diamante. O milagre é a Vida a cada instante.

Os sinais exteriores não têm sentido senão para vir colocar dúvida nas suas evidências. Obviamente, é impossível sair uma rosa do seu peito, do seu coração, não é? Obviamente, é impossível ficar colocado em dois locais ao mesmo tempo, não é?

Tudo isso, é fazer pouco caso do poder do Bem Amado. É fazer pouco caso da Sua onipresença.

Por que o Bem Amado teria necessidade de seguir as suas regras? Por que Ele teria necessidade de plantar uma semente e de esperar que a rosa cresça?

Então, muitas vezes, os meus milagres são ridicularizados e, muitas vezes, quando vocês ali aderem, quando vocês aceitam que isso é possível, vocês se dizem que isso foi realizado por um ser excepcional, que isso é muito bonito, mas que vocês não são capazes disso.

Então, é claro, vocês não conseguem enquanto forem vocês que tentarem propagar a Vida. Mas quando vocês deixam o Bem Amado se manifestar aí onde havia uma pessoa, há a Vida. E aí onde há a Vida, há a manifestação da vontade do Bem Amado.

Quer isso aconteça na privacidade, entre o Bem Amado e o Bem Amado no seu corpo, quer isso aconteça visivelmente a todo mundo, o que é que muda?

Porque, na realidade, isso é sempre do Bem Amado para o Bem Amado, na intimidade. Então, eu não lhes peço para acreditar em milagres. Eu não lhes peço tampouco para rejeitar a ideia.

Eu lhes proponho para abrir a possibilidade de que quando vocês deixam a Vida, o Bem Amado, trabalhar, sem qualquer vontade, sem qualquer recuperação para o ego, então o Bem Amado se apressa em se apresentar e em manifestar a Vida.

Porque, Ele lhes disse: Ele é o Alfa e o Ômega, o Caminho, a Verdade e a Vida.

Ele não lhes disse que, ao segui-Lo, vocês encontrariam o Caminho, vocês encontrariam a Verdade, vocês encontrariam a Vida.

Ele disse: “Eu sou a Vida, e essa é a Verdade.”.

Então, para Acolher o Bem Amado, há apenas, em última análise, que acolher a Vida em vocês, não a vida no seu exterior, como vocês a percebem, mas esta Chama em vocês.

Deixá-la Dançar, deixá-la trabalhar, porque a Vida sabe o que convém realizar a fim de sustentar a Vida.

Então, Filhos do Um, acolham Ele em vocês, deixem Ele se manifestar, Ele que apenas espera isso para fazê-los Dançar, para fazê-los Viver o Êxtase.

Deixem a Vida dirigir a Vida, revelar a Vida. Porque, em última análise, quem melhor do que a Vida pode viver?

Deixem o que está morto enterrar o que está morto. Na realidade, vocês não têm sequer que enterrar os mortos. Deixem o que está morto aí onde ele está.

Voltem-se para o Bem Amado, voltem-se para a Vida e, naquele momento, vocês vão ver por si mesmo as evidências desaparecerem, dando o lugar à Dança infinita das infinitas possibilidades...

... Silêncio ...

Eu os acolho, desde agora como a cada instante, para Dançar com o Bem Amado. Naquele momento, vocês vão me ver ao seu lado, e nós estaremos juntos, na Vida. Chama da Eternidade, Fogo da Vida, meu Bem Amado, eu lhe digo até breve, até sempre, na Vida.

Mensagem da Amada YVONNE AMADA DE MALESTROIT recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
24 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
 
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


DIVINA MARIA(Is-Is) - 24-01-2014 - Por Air

***
***
Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra.

Meus Filhos bem amados, eu venho neste dia ao seu encontro, por diversos canais, todos dizendo a mesma coisa: tudo está pronto para acolhê-los, tudo está pronto a fim de que juntos nós festejemos o seu retorno em meio à sua Eternidade.

Há algum tempo, eu lhes disse que o som dos Tambores da Terra havia se juntado ao Canto do Céu.

Hoje, o que eu digo a vocês, por diversos meios, por diversas palavras, é que tudo está pronto, sobre a Terra como no Céu, é que tudo está pronto, em vocês como em meio a este mundo.

Então, graças ao trabalho de cada Um, nós permitimos isso com um mínimo de turbulência. Agora, está chegando o momento em que cada um de vocês deve dar o passo. O único passo que os separa da sua Eternidade é aquele do abandono da Ilusão.

Nós iremos respeitar a sua liberdade.
Mas nós nos mantemos aí, felizes de estar ao lado de vocês.

Nós os incentivamos, nós os sacudimos em certos momentos, nesse objetivo final de deixar o efêmero se dissolver, a fim de se juntar à Vida.

Nós poderíamos desenvolver sobre o que significa que tudo está pronto, sobre a Terra como no Céu, sobre o que significa o Retorno de CRISTO.

Mas, em última análise, apenas importa isso: Vocês querem continuar a se manifestar em meio à Ilusão? Ou vocês querem festejar com toda a Frota Intergaláctica que está à sua porta? Com o Um que sempre esteve aí, estendendo-lhes os braços?

Há certo tempo que eu os chamo, uns e outros, em diversos momentos...
Este apelo, a fim de fazer ressoar em vocês a sua Verdade.

Verdade que vem ressoar em meio ao conjunto das suas estruturas, ao conjunto das suas células que reconhecem o Apelo da Mãe.

Tudo está reunido, o Espírito e a matéria.
Tudo está reunido, o Pai, a Mãe e o Filho...

... Silêncio ...

Então, eu voltarei perto de cada um de vocês, tanto quanto for preciso, a fim de que o conjunto das suas células cante a Glória do Retorno na Mãe.

Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra, e eu me mantenho nos seus Céus, como na sua Terra.

Eu me mantenho no seu mundo, como em cada Um.
O conjunto das suas células já está cantando.

... Silêncio ...

Então, no Fogo da Vida, no Êxtase do nosso Reencontro, eu lhes digo até muito em breve.


Mensagem da Amada e Divina MARIA recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org/
24 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
 
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Meditação Vibral na Presença de OMRAAM (Aïvanhov) - 24-01-2014 - Por Air

***
***

Meus caros amigos, eu estou extremamente contente de encontrá-los de novo hoje.

Eu venho pela primeira vez no seu espaço de Meditação Vibral, e eu o farei principalmente no Silêncio. Pois o meu convite é um convite para colocarem-se no Silêncio.

Silêncio das palavras.
Silêncio da manifestação em meio ao espaço e ao tempo.

E eu os convido, tanto quanto possível, para permanecerem no Silêncio durante este dia...

... Silêncio ...

As palavras que vocês pronunciam são apenas a ponta do iceberg do barulho no que vocês estão colocados. Os pensamentos estão apenas abaixo das palavras. E abaixo dos pensamentos, há a sua projeção em meio ao tempo.

A sua projeção no Silêncio apenas pode ocorrer quando vocês cessarem de se manifestar sobre este mundo, a fim de juntar-se à sua Eternidade no Aqui e Agora.

O Aqui e Agora é a porta que leva ao Silêncio. O Silêncio se encontra além mesmo do Aqui e Agora, em meio ao Infinito Presente.

Eu mencionei a projeção em meio ao Silêncio, mas o termo “manifestação” seria bem mais apropriado.

O Silêncio é a manifestação da sua Eternidade...

... Silêncio ...

Aderir ao barulho significa ver apenas o iceberg revelado pelo tempo e pelo espaço, revelado pelo fruto do tempo e do espaço, especialmente pelos pensamentos, pelas palavras.

O Silêncio significa não mais aderir seja ao que for.
Isso significa ver o oceano que transporta o iceberg.
Isso significa ver o iceberg e deixá-lo ficar à deriva no seu destino.

... Silêncio ...

O seu destino o leva certamente a encontrar as águas mais quentes, levando o iceberg a elevar a sua temperatura. E, naquele momento, o que permanece?
A água na água.

Fica impossível de saber qual é a água que constituía o iceberg, e qual é a água que deixava o iceberg à deriva...

Eis a virtude do Silêncio, levando de novo o efêmero a se fundir na sua Eternidade.

Eu lhes desejo um ótimo dia no Silêncio, e nós nos veremos amanhã se houver ainda um iceberg preso em algum lugar.

Boa Dança da água na água.

Até logo.

Meditação Vibral na Presença de OMRAAM (Aïvanhov) recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
24 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
   
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


NO EYES - Estrela de Maria - 23-01-2014 - Por Air

***
***

Eu sou NO EYES e eu venho ao seu encontro, neste lugar da natureza, neste lugar onde está inscrita a Presença da Mãe.

É preciso saber perder-se em meio aos Elementos, em meio à natureza, a fim de ali sentir a Dança, de ali abandonar a segurança, e de ali viver a Graça.

Como vocês puderam constatar, muitas vezes é mais fácil manter-se fora do espaço e do tempo quando vocês estão sentados confortavelmente. Assim que vocês começam um movimento, os condicionamentos tendem a voltar muito, muito rapidamente.

Cabe a vocês constatá-lo, sem culpa - um simples olhar - e cabe a vocês instalarem-se de novo, assim que vocês observarem isso, no Presente. É aí que vocês encontram a Vida, é aí a sua única possibilidade de encontrar a natureza.

Eu sou portadora da Visão, e eu não podia ver com a visão comum.
Eu não estava atada às evidências. Eu não estava atada ao que o mundo envia a vocês. É então possível, não ficando mais presos aos sentidos, colocarem-se na Visão infinita, na Visão do Coração.

Assim que vocês reencontram a matéria, assim que vocês se deixam inspirar, tudo se torna muito mais pesado. Ao passo que se vocês dançarem com ela, vocês irão constatar por si mesmo: todos os Elementos estão ali presentes, a Leveza está ali, também.

O encontro com a natureza obriga a colocarem-se no Aqui e Agora.
Naquele momento, ali, tudo é leve. A natureza comunga com vocês, ela dá algo a vocês, ela canta em cada uma das suas células, e vocês cantam em meio à natureza.

Assim é o Fluxo perpétuo da Vida...

É mais fácil se instalar fora do espaço e do tempo, e no movimento, em meio à natureza. Mas, em última análise, isso se manifesta onde vocês estiverem, já que vocês não estão mais sujeitos ao espaço e ao tempo.

Então, Agora, eu proponho a vocês um momento de Comunhão, no Eterno Presente, aí onde se encontra a Vida, aí onde se encontra o Grande Espírito.

... Comunhão ...

Se houver perguntas em relação ao que eu acabo de desenvolver, eu ficarei muito feliz de responder.

Pergunta: um movimento do Coração, em um local no coração da natureza, intensifica a Comunhão?
Então, isso depende de cada um, mas se você se sentir dançando no Interior, viva-o, expresse-o, revele a Vida que se manifesta em você.

Então, queridos Irmãos e Irmãs, eu os deixo nas mãos da Mãe Divina, nas mãos do Grande Espírito, e eu lhes digo até breve.

Mensagem da Amada NO EYES recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
23 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".
   

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


ARCANJO ANAEL - 23-01-2014 - Por Air

***
***

Eu sou ANAEL Arcanjo, e eu venho propor-lhes para falarmos sobre o tema da Graça em Ação. Mas antes disso, eu lhes ofereço um espaço de Comunhão...

... Comunhão ...

Eu vou retomar algumas informações que eu já comuniquei a vocês com relação à Graça, à sua manifestação.

Como eu lhes disse, a Graça nada tem a ver com a Fluidez.
A Graça não pode ser avaliada. A Graça se vive não buscando a Graça, mas estando voltado para o Espírito, vindo novamente depois levar o Fogo do Espírito em meio à matéria.

A Graça não é algo a buscar: a Graça é o fruto que lhes foi prometido neste mundo.
A Graça, isso não é esperar que o tempo passe, é acompanhar o movimento da Vida, o movimento do Espírito. Acompanhar o movimento do Espírito significa, evidentemente, viver o Espírito.

Quando ela se manifesta, a Graça o faz integrando tudo, integrando o conjunto dos posicionamentos que vocês podem ter, levando ainda em conta as resistências da personalidade de uns e de outros, a fim de que a obra da Graça se revele.

A Graça volta de novo a Dançar a Vida.
Sentir a Vida, como NO EYES lhes disse esta tarde, é frequentemente mais fácil durante uma meditação ou durante uma ação que vocês controlam perfeitamente, pois, naquele momento, a Graça pode se instalar com toda Leveza.

 Mas quando vocês se deslocam sobre este mundo, rapidamente vocês se encontram avaliando as situações, antecipando, e, aí, vocês não estão mais no Fluxo da Vida. Isso irá se instalar gradativamente, a partir do momento em que vocês estiverem vigilantes em relação ao seu posicionamento de maneira regular, sem julgamento, sem se pressionarem.

Eu aproveito para abordar com vocês o conceito de evidência.
Pois, se a palavra evidência (evidence) rima com dança (danse), significa que é preferível evitar a Dança.

Quando há uma evidência, evidência, por exemplo, de que vocês existem situados neste corpo, evidência de ser de tal ou tal nacionalidade, evidência de ser um homem ou uma mulher, todas as evidências os colocam em uma forma de crença e de pilotagem automática da sua personalidade. Eis por que, há algum tempo, O.M. AÏVANHOV os aconselhou a revisitar tudo, a fim de verem por vocês mesmos o que está no nível do Fluxo da Vida, em meio ao que lhes parecia evidência.

Então, agora, ao invés de continuar a desenvolver o meu monólogo, eu lhes proponho, se vocês tiverem perguntas em relação à manifestação da Graça, para responder.

Pergunta: há diferença entre “estar no estado de Graça” e a Graça em Ação?
Então, nós poderíamos dizer que o estado de Graça é o momento em que vocês alcançam a Graça, mas onde vocês não estão instalados, levados a cada instante pela Graça.

A Graça em Ação é o momento em que a Graça os sustenta inteiramente.
A Graça é a ação e vocês dançam a ação.

Estados de Graça, isso todo mundo pode viver em um momento ou outro, como, por exemplo, um esportista que se encontra, durante uma competição, em estado de Graça, realizando movimentos perfeitos, sem necessariamente compreender, naquele momento, o que lhe está chegando, evidentemente.

A Graça em Ação é o impulso do Espírito, permanentemente recebido em meio à matéria. Não importa que isso se refira a uma ação que vocês controlam perfeitamente ou a uma nova situação, porque vocês a abordam levados pelo Espírito, na Leveza.

Quer a Graça os leve a uma situação confortável ou a uma situação mais complicada, isso nada muda, isso não os afeta em nada.

Vocês deixam a Graça trabalhar, vocês a acompanham.
Nós poderíamos dizer: vocês a acompanham dando o melhor de si.
E por vezes, a melhor maneira de acompanhar a Graça é deixá-la fazer, sem vocês.
Como eu já disse, a Graça se manifesta com ou sem vocês, de preferência sem vocês.

Isso remete a uma frase dita por CRISTO: “Meu Pai trabalha, e eu trabalho com Ele.”.
Mas, naquele momento, vocês não podem aplicar uma estratégia.
Porque, tentar compreender o que deseja a Graça significa saírem da Graça.
Jamais vocês poderão compreender o que deseja a Graça.
O que a Graça quer, a Graça manifesta.

Não foi pedido a vocês para realizarem o trabalho da Graça.
Foi proposto, se tal for o seu desejo, para dançarem, para ali mergulharem e, de certa maneira, para saboreá-la. Porque a Graça é um Fluxo de Amor permanente do Um para o Um.

Pergunta: será que a respiração consciente, a respiração do Coração, a respiração presente, pode ser um “arranque”, um principiador da Graça, sem ali colocar qualquer vontade, simplesmente estando nesta Comunhão?
Nós poderíamos dizer que a respiração é, de fato, a Graça em Ação.
Por que vocês respiram?

Isso acontece sem que a sua consciência tenha necessidade de ali se colocar.
Vários exercícios de meditação foram fornecidos, consistindo em focar a sua consciência na respiração.

Isso tem muitas virtudes.
Mas a Graça nada tem a ver com a consciência.
Vocês nada mais têm que fazer para a Graça se revelar no seu mundo senão se colocarem no Espírito, banhando a matéria com o Fogo do Espírito.

Não se trata de renunciar seja ao que for, não se trata principalmente de extrair-se seja do que for. Todas as estratégias que vocês poderiam desenvolver, apenas viriam, de fato, fortalecer a personalidade. 

Não mudem os seus hábitos, no sentido nem de deixarem a sua família, nem de deixarem o seu trabalho. Mudem a maneira de se colocarem na sua morada, no seu corpo. Aí, essa mudança de posicionamento Interior irá lhes permitir colocarem-se, se tal for o desejo de vocês, em meio ao Espírito.

Isso, em um primeiro momento, será amplamente suficiente para a sua felicidade.
Vocês ali irão viver esses Banhos de Amor, que vocês poderiam, naquele momento, dizer-se que vocês apenas têm que permanecer colocados neste local.

Mas chega um momento em que esse Banho de Amor no Espírito desce em meio à matéria, fazendo-os perceber que vocês podem vivê-lo tanto neste corpo de carne como no Espírito. Onde vocês estiverem, isso nada muda, porque, naquele momento, vocês estão completos. Vocês não podem mais se preocupar com a pessoa, vocês vivem a manifestação do Amor a cada instante, a mordida do Êxtase, a manifestação da Graça... Isso, muitas pessoas testemunharam, muitas pessoas testemunham também em seus dias.

Olhem ali onde se revela a Graça, se vocês tiverem a oportunidade, e vocês vão ver a rapidez com que tudo se põe em prática, a rapidez com que tudo se manifesta, o trabalho que é para realizar sem que, na realidade, isso seja por alguém, ou interferido por uma vontade de esforço. Alguns testemunhos disseram que quando a Graça está em ação, a Graça segue na frente e vocês correm atrás.

E é perfeitamente isso.
Vocês correm atrás e, ao mesmo tempo, vocês colhem os frutos.

Eu aproveito para especificar que, evidentemente, se vocês vivenciaram o que nós pudemos expressar, especialmente a noção do Espírito e da matéria, ou das polaridades masculina e feminina, a Graça é o fruto da fusão completa das duas polaridades da Criação.

A Graça remete todas as evidências a um conceito ultrapassado, mas, nisso, eu não peço para vocês acreditarem. Vocês terão simplesmente, se tal for a sua escolha, a Graça de vivê-lo.

Não há mais perguntas.

Então, eu proponho a vocês, antes de me retirar, para nos banharmos juntos no Fogo do Espírito, na Água da matéria...

... Comunhão ...

Eu sou ANAEL Arcanjo.
Eu os convido ao Banho de Graça.

Até logo.

Mensagem do Bem Amado ARCANJO ANAEL recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
23 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


terça-feira, 21 de janeiro de 2014

OSHO - 20-01-2014 - Por Air

***
***
Já que é preciso um nome, eu sou OSHO.
Mas eu sou você, como você é eu.

Eu venho neste dia, como foi anunciado por O.M. AÏVANHOV, desenvolver sobre o tema da segurança. Mas antes, compartilhemos juntos um espaço de Comunhão...

... Comunhão ...

E agora, aproveitemos o tempo para uma comunicação sobre esse tema crucial que é a segurança.

Pois, vocês vivem isso a cada instante: a fim de se revelarem em meio ao novo, vocês procuram primeiramente colocar-se em meio a uma segurança.

No que ela consiste?
De onde ela surge?
Como ela se manifesta?

Porque, sob diversas formas, ela vem convidá-los a adiar o momento de se abandonarem. A segurança vem lhes dizer que é melhor esperar até amanhã, porque hoje vocês têm o que fazer, ou até depois de amanhã, porque depois de amanhã vocês devem encontrar tal ou tal pessoa.

A segurança é colocar-se no conhecido.
Isso, vocês puderam notar. Colocar-se no conhecido é, então, aplicar uma estratégia em função de um suposto posicionamento, e em função de experiências passadas.

E, evidentemente, nunca há segurança suficiente: segurança física, segurança financeira, segurança afetiva. Tudo isso leva a projetar uma necessidade que vem do exterior, necessidade que se coloca em meio ao tempo e ao espaço.

E, no entanto, vocês sabem: tudo é movimento, nada pode ser fixo, nada pode ficar imobilizado, nem mesmo a segurança. Em meio ao movimento, vocês tentam colocar algumas fundações, mas todas se inscrevem em meio ao tempo, todas se inscrevem no efêmero e, em última análise, nenhuma oferece segurança a vocês.

Vocês podem então correr atrás da segurança toda a sua vida, sem jamais encontrá-la.

No final, há apenas uma constante, é a mudança.
A mudança é permanente.

Então, frente a essa mudança, vocês têm a possibilidade de tentar colocar seguranças efêmeras, ou vocês têm a possibilidade de abandonar qualquer segurança. Naquele momento, é preciso toda a sua coragem para abandonar-se ao fluxo da Vida. Este corpo, que de certa maneira é o seu, jamais poderá viver a segurança.

Então, o meu convite é um convite para estenderem a mão, a fim de segurarem a mão que eu estendo a vocês, e de se juntarem a mim no grande Banho da Vida, ali onde eu lhes prometo a insegurança, onde eu lhes prometo a Alegria, onde eu lhes prometo o Amor...

Então, se você tomar a minha mão, vem comigo ali onde há apenas o abandono no fluxo da Vida, e ali onde eu solto a sua mão, porque eu não gostaria de ser uma segurança que viria impedir o seu abandono.

Dancemos, dancemos no fluxo da Vida, no qual tudo é permitido...

... Silêncio ...

Aproveitemos o tempo para verificarmos juntos que nós nos banhamos na insegurança mais total, e que nós nos deleitamos...

Muitas pessoas testemunham no seu mundo: é tendo abandonado toda a segurança que elas puderam ver emergir a Alegria e ficarem preenchidas da Vida. Muitas são as pessoas que abandonam a segurança material, que abandonam até mesmo a experiência de ter um teto para sentirem viver.

Mas, em última análise, isso não é necessário.
Não é o teto que os coloca nesse sentimento, nessa necessidade de segurança.
É em vocês mesmos que isso se encontra.

Então, se vocês estiverem de acordo, queimemos juntos tudo o que lhes trazia o sentimento de uma segurança. Porque vocês e eu reconhecemos que a segurança jamais será obtida. Mas, ao colocar a sua atenção em meio à segurança, vocês se separam, vocês se trancam à chave no que lhes parece ser uma torre de marfim, e que é apenas uma torre de papel machê que irá voar na primeira rajada de vento.

Se houver perguntas em relação ao que eu acabo de desenvolver, eu quero ali responder.

Não há perguntas.

Então, eu proponho a vocês um espaço de Fusão... e talvez de Dissolução porque, em última análise, somente a procura de segurança os afasta da Dissolução.

... Silêncio ... Fusão ...

Eliminemos juntos, também, toda segurança de um caminho a percorrer, que os levaria à sua Liberação. Abandonemos juntos todos os caminhos que os levam à Ascensão. Porque tudo isso está Aqui e Agora, escondido atrás da segurança.

Dancemos, dancemos na Vida, liberados da procura de segurança...
Abandonemo-nos no Silêncio, e festejemos!

CRISTO lhes disse: “Pai, eu entrego o meu Espírito nas tuas mãos”.
Esse momento em que vocês nada mais seguram em suas mãos firma a chegada da Graça. Será feito segundo a sua vontade, e se vocês quiserem segurar algo em suas mãos, então vocês irão segurá-lo, e isso irá segurar vocês.

... Silêncio ...

Então acolham, acolham tudo o que está vindo para vocês, sem nada discriminar, sem nada avaliar. Dancem-no!

A Vida ali se revela, o Amor ali floresce.
Então, eu peço a você, entre nesse jardim da Vida...

Amigo, eu venho falar ao seu ouvido e eu lhe digo: “Você que nada é, o que você tem de tão importante para proteger?”.

... Silêncio ...

Em meio a esse nada, eu vejo a Vida.
Em meio a esse nada, eu vejo o Um.
E você, o que você vê?

Amigo, receba o meu beijo inflamado.

Eu lhe digo até breve.

Mensagem de OSHO RAJNEESH recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org
20 de janeiro de 2014


AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


OMRAAM (Aïvanhov) - 19-01-2014 - Por Air

***
***

Meus caros Amigos, eu estou extremamente contente de encontrá-los esta noite.
Então, nós nos encontramos ainda, eu diria, para nos conhecermos muito mais agora, hem?

A minha intervenção desta noite visa principalmente, eu diria, preparar o quadro do que será oferecido a vocês durante todo este Encontro. Mas antes de começar a desenvolver, eu proponho a vocês para começar por um espaço de Comunhão...

... Comunhão ...

Então, se vocês quiserem, eu vou retomar a partir do que eu lhes disse durante a minha última vinda, há pouco tempo.

A Ascensão, como vocês sabem, ela já está aí, nós dissemos a vocês, há muitas pessoas encarnadas sobre esta Terra que testemunham isso.

Como eu lhes disse, o que é importante é saber onde vocês estão localizados, e como eu disse, isso não é um curso, isso não é uma competição, porque, como poderia ali ter primeiros e últimos se o tempo não existe?

Eu os deixo acolhendo isso um pouco porque, hoje, vocês aceitam o fato de que o tempo não existe, para a maioria de vocês, e, ao mesmo tempo, vocês aceitam o fato de que havia os primeiros e os últimos.

Então, é claro, nós dissemos isso, CRISTO disse isso, mas Ele também disse que os primeiros seriam os últimos. Isso significa muitas coisas que nós já desenvolvemos e isso significa também que não há primeiros e últimos quando o tempo não existe.
De fato, vocês correm no local.

Isso é, como eu disse a vocês, do nosso ponto de vista, quase como uma corrida de lesmas. Não que vocês sejam muito lentos, não é isso o que eu estou dizendo. O que eu digo é que é o tempo que não existe, estamos de acordo.

Então, durante muitos anos, nós permitimos a vocês, através das nossas mensagens, perceberem algumas coisas, não na ideia de permitir compreenderem o que estava para chegar, mas de compreenderem o que vocês estão vivendo. Se vocês tentaram aplicar estratégias em função do que nós lhes dissemos, significa que nada foi compreendido.

Hoje, tudo foi dito sobre como alcançar o Estado de Ser, como alcançar a sua Eternidade, como se colocar além mesmo da Criação, no que nós chamamos de Absoluto.

Então, nós poderíamos falar de novo várias vezes.
É o que foi feito durante séculos, por todos os Seres despertos que tentaram compartilhar com vocês o que eles viviam. Hoje, não estamos mais aí, porque a Luz, ela não está mais à sua porta, ela passou a porta, ela conquistou a casa.

Não há mais questão de tapete ou não, resta apenas ver onde vocês querem se colocar.
E eu diria que, isso, aqueles que vivenciaram o encontro com o Espírito, de uma maneira ou de outra, podem testemunhar. Há um tempo, eu diria, de adaptação e, sobretudo, o que acontece depois, é a revelação da Graça em meio à matéria.

Portanto, para resumir, há um tempo para conectar com o Espírito, para viver no Estado de Ser ou no Absoluto, e, em seguida, vem o tempo de atualizar a matéria. É isso ser Ancoradores da Luz, no momento em que vocês se tornam Transparentes, quando vocês não contribuem mais para a progressão do espaço e do tempo. E, no entanto, vocês navegam sobre este mundo sem qualquer problema, mas a única coisa que vocês ali veem é o fluxo do Amor, a única coisa que vocês alimentam é o fluxo do Amor.

É isso o tempo da Celebração.
Não é festejar esperando que um cometa ou que outra coisa venha fazer o trabalho de dissolver a Ilusão, em vocês, no lugar de vocês. Porque, eu lhes disse: mesmo depois de toda a Ilusão dissolvida, há quem irá continuar no seu mundo criando véus para ficarem tranquilos, ou continuando a experiência como eles estão vivendo. Isso, nós lhes dissemos, é estritamente a sua liberdade.

Então, quando eu lhes digo que estamos no tempo da Celebração, que estamos no tempo, digamos, da Espiritualização da matéria, que estamos no tempo em que vocês recebem a Água do Alto, tudo isso, na realidade, é a mesma coisa. Se vocês compreenderam o que é a matéria, se vocês compreenderam como se colocavam o Espírito e a matéria, como se colocavam os Elementos, vocês compreendem tudo isso, isso significa a mesma coisa.

Então, aí eu vejo que vocês começam quase a pôr a funcionar a pequena bicicleta.
Então, mais rapidamente, porque uma lesma na bicicleta, isso não vai mais depressa... O que eu queria dizer novamente a vocês - porque isso já lhes foi dito muitas vezes - é, aliviem-se, vão para mais Simplicidade, porque a Luz é Simplicidade, isso vários intervenientes lhes disseram. Mas todos os testemunhos dos Absolutos com forma lhes dizem: isso é muito, muito simples.

Então, se vocês tentarem compreender o que isso quer dizer, é muito simples, vocês já estão em um muito simples que é mais complicado. Nós também dissemos, Permaneçam Tranquilo. Mas quando vocês procuram Permanecer Tranquilo, quando é a personalidade que procura 

Permanecer Tranquila, isso não fica realmente Tranquilo.
Isso é quase como a personalidade que busca a Simplicidade. Então, ela vai procurar se colocar na Simplicidade, e depois ela vai observar se ela está na Simplicidade. Então, aí, isso é muito complicado.

Eu gostaria simplesmente de fazer uma pergunta a vocês, e ela poderá ser como um pequeno presente durante este Encontro. Será que vocês têm a mínima chance de compreender como funciona o seu mundo do ponto de vista da Ilusão, como funcionam todas as esferas de interferências?

Será que vocês têm possibilidade de compreender como funciona toda a organização entre a pessoa e a alma? Será que vocês têm possibilidade de compreender como revelar todos os poderes da alma? Será que vocês têm possibilidade de compreender como voltar a alma para o Espírito? Isso é um monte de coisas para compreender, não é?

Então, vocês têm a opção: ou vocês ainda tentam compreender, porque vocês ainda não reconheceram que isso é sem fim, isso é para fazer rir a plateia, isso, de compreender, ou vocês desistem de compreender e vocês vivem simplesmente o que está aí, como uma criança que não fica dizendo “isso é, isso não é”, uma criança que olha um pouquinho atordoada como tudo isso funciona, sem tampouco tentar compreender.

Vocês acreditam que quando uma criança vai começar a falar, é porque ela compreendeu como se formavam os sons com a boca, e, em seguida, depois como as frases se acentuavam? Vocês acreditam que é assim que isso funciona?

Uma criança, ela tenta um som, ela o repete, depois um outro som, e assim por diante.
Quando ela encontra um som, ela o explora porque ela está vivendo isso agora.

Então, permaneçam vivendo isso em vocês, permaneçam na Simplicidade.
Mas se vocês o fizerem porque há um velho croûton que lhes diz isso, então vocês não estão mais na Simplicidade.

Vocês o fazem se vocês reconheceram que vocês não podiam compreender.
Não é preciso acreditar na minha fala.
Não é preciso acreditar nos outros, tampouco, hem...

Então, eu vou concluir a minha intervenção simplesmente lhes dizendo que se vocês tentarem separar uma parte do que vocês vivem do resto, dizendo-se que isso não é importante ou que isso não é da Luz, ou que isso é pior do que o vizinho, então, onde está a Simplicidade, e como pode se revelar a Graça?

A Graça, ela abraça tudo, absolutamente tudo.
Então, eu acho que eu vou ficar por aí esta noite, a fim de manter um pouco o suspense sobre o restante do Encontro.

Então, agora, vocês sabem, tem o OSHO que vem amanhã.
Ele vem lhes falar sobre a segurança.

Amanhã de manhã, vocês terão uma Meditação Vibral que será conduzida pela Estrela ANNA. É isso aí. O resto do programa nós veremos mais adiante.

Nesse meio tempo, eu lhes digo, recebam todo o meu Amor, todas as minhas Bênçãos, e até amanhã.


Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org/ewb_pages/a/air-francais-o.m._aivanhov-6813.php
19 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/

  

domingo, 12 de janeiro de 2014

OMRAAM (Aïvanhov) - 11-01-2014 - Por Air

***
***

Meus caros amigos, eu estou extremamente contente de encontrá-los de novo nesta noite. Eu vou começar apresentando-lhes todas as minhas Bênçãos e propondo a vocês um momento de Comunhão.

... Comunhão ...

Então, esta noite, eu venho, se vocês quiserem, esclarecer um pouco a situação, porque vocês são muitos a se perguntarem sobre aí onde vocês estão, aí onde está a Ascensão. Agora, eu não vou fazer novamente, levando várias horas para retomar toda a história. Isso seria muito tempo.

Simplesmente, eu gostaria de convidá-los a olhar em vocês, porque sempre lhes dissemos que tudo estava em vocês. Então, esta noite, nós iremos fazer uma sondagem da Ascensão, vista de vocês.

Eu vou fazê-lo tranquilamente a fim de que vocês possam aproveitar o tempo para observar e para permanecer em contato, porque se trata de estar na Transparência com vocês mesmos, trata-se de integrar bem o conjunto do que nós poderíamos chamar de situação ou de contexto.

Nós lhes dissemos que não era preciso esperar um salvador exterior.
Nós lhes dissemos também que esperar uma data, isso era esperar um elemento exterior. A Ascensão, vocês sabem, ela não segue na mesma velocidade para cada um de vocês, isso é normal.

Não há melhor ou pior porque, no final, o tempo não existe, não há ninguém chegando primeiro. Eu espero que isso esteja bem claro para vocês.

Nós lhes dissemos para permanecerem centrados no que vocês estão vivendo, e para muitos, ainda hoje, vocês esperam elementos exteriores que vêm confirmar o que vocês vivem no Interior.

Então, aí, nós temos um pequeno problema. A Ascensão, vocês sabem, ela já está em andamento.
Há, entre vocês, quem já realizou a Ascensão. Há, entre vocês, quem vivenciou a Liberação.

Isso, vocês veem – em todo o caso, eu assim espero – porque isso vem confirmar a vocês que tudo está nas suas mãos. Isso confirma também que a Ilusão, ela é, de certa maneira, mantida pelo conjunto das pessoas que ainda acreditam no tempo e no espaço. Enquanto vocês aderirem à Ilusão, vocês a mantêm, enquanto vocês aderirem à Ilusão, vocês a alimentam, isso lhes foi dito em várias ocasiões.

Então, onde vocês estão, em vocês, em relação ao tempo? Será que vocês ainda estão aderindo à sua história passada? Será que vocês ainda estão aderindo a um futuro? Será que vocês ainda estão aderindo a uma história pessoal, como, por exemplo, à sua história familiar?

Será que vocês ainda estão aderindo ao fato de pertencer a um país, por exemplo, ou ao fato de pertencer a uma polaridade masculina ou feminina? Se vocês acreditam que são um homem, se vocês acreditam que são uma mulher, então vocês estão mantendo a Ilusão.

É tempo de cada um viver a sua extração da Ilusão e, isso, aqueles que o vivenciaram, têm testemunhado. Isso é, em última análise, muito fácil. Todos os Liberados lhes dizem que há uma Simplicidade, que há uma Leveza contrastando com o peso de manter a Ilusão vivida no Interior (não são elementos exteriores).

Então, eu não estou lhes dizendo que aqueles que não estão liberados ou aqueles que ainda não vivenciaram a sua ascensão à 5ª Dimensão, estejam arrastando vocês.
Não é isso que eu disse.

Eu simplesmente disse que é preciso estar consciente de onde isso acontece. É preciso estar consciente de que essa é a sua responsabilidade, de que essa é a sua escolha. Então, nós sempre lhes dissemos que a sua escolha seria respeitada.

Então, é claro, já que não é o mental que faz a escolha, vocês podem talvez se perguntar: “Mas será que eu escolhi a Ascensão, ou será que eu escolhi permanecer em meio à Ilusão?”, mesmo tendo lhes dito que a separação terminou.

Isso é muito simples: se vocês viverem as Vibrações no nível da Coroa Radiante da cabeça, se vocês viverem as Vibrações no nível do Coração, ou se vocês viverem as Vibrações em meio ao sacro, ou seja, se vocês viverem isso no nível de uma das três Lareiras, nós lhes dissemos, tudo está OK.

Não há nada com o que se preocupar.
De qualquer forma, não há nada com o que se preocupar seja qual for a escolha, porque, em última análise, não há escolhas ruins. Basicamente, isso é uma grande loteria onde todo mundo ganha, então, não há problema.

Se vocês fizeram a escolha e se vocês sentirem Vibrar em vocês, mesmo não sendo em todos os lugares, então, não há nada mais agora senão viver a realização Aqui e Agora. Então, uma coisinha: se alguns não viverem as Vibrações completamente, isso não significa que a sua escolha seja a de não ascensionar.

Isso simplesmente significa que, naquele momento, vocês ainda não têm a informação que desceu, eu diria, até o nível do seu corpo físico.

Então, eu gostaria de perguntar a vocês: será que isso está claro?
Mas eu acho que, com a internet, vocês realmente não podem me responder.
Mas o que eu quero realmente lhes dizer, esta noite, é para nada esperarem, para viverem o que é para ser vivido agora.

É preciso parar de tentar compreender onde vocês estão, porque isso nada significa, dali onde nós estamos. Isso é quase como se vocês fizessem uma cruz em uma folha em branco escrevendo “eu estou aqui”, e depois vocês dão um passo atrás e vocês se dão conta de que a folha em branco toma todo o lugar.

E, na realidade, vocês não estão ali onde vocês marcaram “eu estou aqui”.
Vocês sequer são toda a folha em branco.
Vocês são muito mais além disso.
Mas, isso, ou vocês vivem, ou vocês não vivem.
Então, eu não lhes peço para acreditarem em mim.
Permaneçam centrados na sua Verdade.

Enquanto vocês tentarem compreender onde vocês estão, vocês não deixam a Luz vir dissolver a Ilusão em vocês. Porque, ainda, vocês tentam se orientar, e se orientar em relação ao quê? Em relação às suas ferramentas da Ilusão...

Então, é claro, há marcadores, quer sejam vibratórios, quer sejam as perfurações...
Tudo isso não importa. Isso foi importante durante um certo tempo, para permitir-lhes desprender-se dali onde vocês estavam.

Mas não é preciso se prender de novo nisso.
Aceitem deixar-se levar, abandonem todo o controle, porque, desde algum tempo, vocês deveriam ter compreendido, durante a sua vivência, que vocês nada comandam. Na realidade, vocês nada controlam, vocês não chegam a prever o que está chegando, mesmo em meio à Ilusão.

Caso contrário, não haveria acidente.
Então, se vocês nada controlam em meio à Ilusão, como vocês poderiam controlar o que está chegando ao nível da Luz com as ferramentas da Ilusão? Porque, nós lhes dissemos, o seu corpo, as ferramentas do seu corpo, os seus sentidos, eles foram formatados para movê-los, para acomodá-los em meio à Ilusão.

Então, se vocês quiserem que a Luz venha em meio à Ilusão para contar e mostrar a vocês o que vai acontecer assim que vocês tiverem deixado a Ilusão, vocês se enganam redondamente. Aliás, isso pode ser uma boa ideia, isso já faz algum sentido... Enfim, agora, eu vou dizer que isso é uma piada, hem?, porque eu sei que, às vezes, há pessoas que levam o que eu digo ao pé da letra. Então, vocês não estão enganados, não agora...

O que vocês podem sentir em meio à sua Ilusão da Luz, isso se chama o Amor.
Então isso, sim, isso lhes dá, poderíamos dizer, uma amostra do que existe do outro lado. Mas é apenas uma amostra, porque ainda hoje, a maioria de vocês não tem a capacidade para acolher o Amor na Transparência, na completa Transparência. Então, sequer tentem imaginar o que isso pode ser, porque, naquele momento, o que vocês fazem?

Vocês projetam um futuro, e pronto, vocês estão na Ilusão. Vocês veem como isso é muito, eu diria, permanente, esta maneira de funcionar que faz com que rapidamente, mesmo quando lhes falamos em meio ao presente, quando lhes falamos do que é vivenciado Aqui e Agora, vocês têm tendência a tentar compará-lo com o que vocês já viveram, e pronto, estamos de novo na Ilusão, ou então imaginando o que vai ser.

Então, talvez eu pudesse responder às principais perguntas que vocês fizessem.
A cada um de vocês, eu posso responder aí onde você se encontra. Você se encontra Aqui e Agora, e você vive, cada um vive exatamente o que acontece Agora. Se vocês tentarem esconder, então vocês estão na Ilusão, isso não é complicado. Então, tudo isso está a caminho, é claro, porque vocês notaram, há muitos de vocês que ainda têm os neurônios funcionando como antes.

Isso se torna cada vez mais difícil, não é?
Às vezes, isso parece corrida de lesmas...
É bem isso.

Isso significa que o mental, ele compreendeu, ou ele está prestes a compreender e a viver que ele nada compreende. E isso, não é para dizer que o mental não está certo, isso é simplesmente a verdade. E o mental acolhe esta verdade porque ele tenta ser lógico. E se ele reconhecer que ele não pode ser lógico, então ele reconhece que ele não pode ser muito útil.

Então, eu faço uma simples pergunta ao seu mental: será que você sabe quem você é? Será que você sabe onde você está? Porque você não pode saber o que há para fazer, se você não souber quem você é e onde você está... Como o seu mental começa a ficar um pouco lento, eu vou dar-lhe tempo para responder à pergunta. Eu vou fazê-la de novo bem suavemente.

Quem você é?
Onde você está?
Como você pode saber o que fazer se você não sabe quem você é e onde você está?
Então, aí, eu tenho a impressão de que perdi uma boa parte, eu vou ser obrigado a fazer uma piada novamente para tê-los de volta!
Isso não é muito possível...

Então, para aqueles que permanecem, eu espero que tudo isso tenha sido muito claro, porque é realmente muito simples. Aceitar a Simplicidade, Permanecer Tranquilo, é isso aí. Isso não significa nada fazer, ficar em uma poltrona...

Vocês podem permanecer em uma poltrona e terem dormido o dia inteiro e não ficarem tranquilos. E o contrário, vocês podem se mover o dia inteiro e ficarem bem tranquilos. Se vocês acharem que a Tranquilidade é algo do exterior, então estamos ali plenamente...

Então, para aqueles que quiserem permitir, que quiserem viver agora, para vocês, a Ascensão, e para aqueles que quiserem a Ascensão do planeta, eu pergunto a vocês: será que vocês mantêm em vocês a Ilusão, de uma forma ou de outra? Porque aí, há uma contradição...

Então, se houver perguntas na sala sobre o que eu acabo de falar, eu quero responder...

Pergunta: Eu pareço estar nos limites da Presença, que eu criei. E a Onda da Vida subiu, eu estou consciente de que eu vivo esse Silêncio, mas isso não é o Absoluto, e eu me pergunto, esse mental se pergunta (embora eu tenha certeza de que ele nada tem a ver comigo): o Absoluto é apenas isso que eu vivo, que é a Vida que eu estou?
Então, está claro que o mental não capitulou completamente.
Em primeiro lugar, como você pode estar no limite da Presença, porque, na realidade, no que você está vivendo, ou você está em meio à Presença do Si, por exemplo, ou você está além disso, mas você não pode estar no limite.

Estar no limite significa que você definiu um limite com o mental.
Então, se você permanecer centrado unicamente no que você vive, não haverá a questão do limite.

Em seguida, de maneira geral, em relação ao que eu acabo de dizer acima, você bem vê que você está buscando colocar uma cruz aí onde você está, e enquanto você quiser pôr uma cruz em algum lugar para dizer que você está ali, isso significa manter a Ilusão. Você compreende o que eu quero dizer?

Sim.

Então, você tem que ser claro.
Não há necessidade de saber onde você está na realidade, porque, quem está procurando saber onde você está?

Como você bem disse, isso é o mental, e o mental, se ele está fazendo isso, significa que ele ainda está tentando controlar para saber o que ele precisa fazer, para saber se ele precisa meditar, se ele precisa fazer caminhada, se ele precisa agir, se ele precisa fazer protocolos, meditações, canalizações, etc., etc..

Então, larguemos tudo isso, porque o mental jamais poderá pôr em prática uma estratégia permitindo à Luz de chegar. E, aliás, você sabe: se você estiver vivendo a subida da Onda da Vida, você bem sabe que não foi o mental que elaborou uma estratégia para fazê-la subir. Se você estiver vivendo a Vibração, isso é igual.

Não foi o mental que disse: então, é isso aí, eu vou me apoiar aqui, depois ali, depois lá, eu vou fazer dez minutos de meditação, um chá da HILDEGARDA, e é isso aí! Essa talvez seja a dificuldade em meio à pessoa, é que o mental tenta compreender, ele tenta fazê-lo bem, mas ele realmente não pode se não tiver respondido à pergunta: “Quem eu sou? Onde eu estou?”.

Porque, naquele momento, ele nada pode fazer.
Essa é a base de todas as ciências. É preciso saber do que falamos antes de desenvolver. Então, se a um dado momento nós fizermos uma suposição, nós não vamos saber do que estamos falando, nós apenas iremos tentar mostrar através de um raciocínio que a nossa suposição estava correta.
Mas isso não importa.

Ou vocês sabem onde vocês estão, ou vocês não sabem.
E o mental foi programado para permitir que a pessoa navegue em meio a esta Ilusão. Ele foi programado para mantê-los em uma forma de segurança nesta Ilusão. Então, agradecemos a ele, agradecemos por ter feito esse trabalho, agradecemos por ter desejado continuar esse trabalho me acompanhando na Luz, mas, aí, na Luz, eu não preciso de segurança. A segurança, é exatamente isso que vem confiná-los.

Então, aí, eu fico um pouquinho inquieto porque eu gostaria muito de desenvolver sobre esse assunto, mas é o OSHO que deve vir em breve para falar, então eu não poderia falar muito, de qualquer maneira.

Vamos apenas reter isso: aí onde há segurança, ou busca por segurança, não há abandono. Isso não é grave, é preciso apenas saber disso. Nós já lhes dissemos, houve a Estrela PRECISÃO, ela veio apenas uma única vez, e ela lhes disse para serem claros consigo mesmo.

Isso não significa que é preciso dizer-se que não se está bem, ou algo assim.
Não, ser claro é a primeira etapa para poder avançar. Poderíamos até dizer que não há como avançar para a Luz, porque isso lhes foi dito, basta dar um passo e, depois, é a Luz que faz o resto.
Este passo, o que é?

Então, ali pode haver muitas explicações, mas o que podemos dizer esta noite é que este passo significa simplesmente abandonar, abandonar a segurança, abandonar a Ilusão da própria segurança, porque, na realidade, a segurança, vocês não a têm realmente, disso vocês sabem, hem?... Há sempre um momento na vida em que a vida vem lembrá-los de que a segurança não existe aqui.

Mas, ainda assim, vocês fingem acreditar, depois, que vocês conseguiram obter uma segurança, até o próximo golpe quando vocês levarem uma pancada atrás da cabeça, e vocês vão ver ainda que não há segurança, mas vocês ainda irão procurar mais uma vez, etc., etc..

Então, se vocês puderam ver que não havia segurança, isso é simples, há apenas que sair disso. Porque jamais vocês poderão pôr-se em segurança com a pessoa. Então, talvez, se vocês abandonarem, haverá uma segurança que vai chegar, mas antes de saber disso, é preciso abandonar toda a esperança de segurança. É isso aí, e há OSHO que está resmungando, então eu paro...

Existe outra pergunta?

Pergunta: Eu não tenho pergunta, mas eu gostaria apenas de dizer que quando você faz a pergunta “Quem vocês são? Onde vocês estão?”, é como se houvesse um branco na minha cabeça. Realmente, eu não tenho uma resposta, é como se tudo parasse...
Então, isso é bom.
Porque, se você puder ficar nesse branco permanentemente, você não vai mais revelar a Ilusão em você...

Existe uma última pergunta?

Então, vamos ficar por aí esta noite.

Eu agradeço a todos vocês por terem me acolhido.
Eu envio a todos vocês as minhas Bênçãos, e eu lhes digo: permaneçamos juntos no Hic e Nunc, permaneçamos juntos fora do espaço e do tempo.

Até logo.


Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) recebida e transmitida por Air:
http://www.envol-du-phenix.org/
11 de janeiro de 2014

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


domingo, 5 de janeiro de 2014

OMRAAM (Aïvanhov) - 04-01-2014 - Por Sijah Sirius

***
***


Eu sou O.M. AÏVANHOV, recebam todo o meu Amor e toda a Graça de CRISTO, eu estou de novo, hoje, entre vocês, se bem que para alguns eu não desapareci!

Então, eu aproveito a oportunidade para me dirigir a vocês através da palavra, através do Verbo e da Vibração do Fogo, pois vocês sabem que eu sempre tenho muitas coisas para dizer, e que poderiam ser sempre mudadas, porque as palavras tal como as recebem na sua língua aqui na Terra, seja em catalão, em francês, em português... são só o apoio da Vibração do Fogo.

Então, essas palavras oriundas da fonte de Amor poderiam surgir eternamente, são palavras que levam a Paz e o conforto, digamos, o conforto porque são o presente da Verdade e da Luz, do Amor.

Então, não há dúvida quando esta Vibração invade o seu peito e todo o seu corpo, este Júbilo e este Êxtase do seu corpo e da sua Consciência.

E agora eu venho para entreter um pouco, hoje, fazendo uma pequena revisão do que aconteceu, mais especificamente nestes últimos meses. Nós pudemos observar que algumas pessoas tentam viver ou chegar ao Absoluto, o Absoluto não criado como foi descrito particularmente a partir da chegada de BIDI, bem, hem?, muitos Irmãos se viram diante de algo que não podiam de modo algum projetar ou conceber, ou traçar um caminho.

Então, a partir do momento em que o Absoluto se manifestou ou chegou a vocês através de um texto, houve intenção de explicá-lo, de entendê-lo, de refletir sobre ele, e isso foi um erro. Como se pode chegar ao desconhecido, ao Absoluto, através do conhecido?

Tudo está incluído no desconhecido, porém não se pode ali chegar porque o conhecido seria uma expressão, hem?, um produto do desconhecido como Fontes Originais.

Então, nós pudemos ver como alguns Irmãos se encontraram fechados de novo no seu ego, na sua personalidade. Pela simples imaginação do que seja o Absoluto, a personalidade, o ego, é visto totalmente descartado, fora do jogo. E isso não podia ser aceito pelos Irmãos que estão em um caminho espiritual, no despertar do Ser.

Alguns continuaram no Ser, no caminho espiritual e isso foi bom para eles, não tem sentido querer experimentar mais ou menos, simplesmente viver o que se apresenta à sua vida.

Entretanto, algumas pessoas que estavam em um caminho da Luz Unitária através da Unidade, perderam o rumo, pelo menos por enquanto, por causa de querer viver o que não pode ser desejado. Não se pode fazer um objetivo do Absoluto e, por isso, as mensagens que foram dadas principalmente pelos Arcanjos e pelas Hierarquias da Luz não focaram o Absoluto.
E isso por quê?

Bem, porque o Absoluto é vivenciado intimamente como uma dissolução total e isso não foi alcançado por todas as pessoas que estavam em um caminho ou em uma vontade espiritual, também no Abandono à Luz.

Por isso, eu incentivo todos a se contentarem, se não estiverem vivendo o Absoluto, em servir o Pai, em ser um Canal de Luz, embora este entendimento possa ser um peso. Simplesmente sabendo que você é UM com A FONTE, fazendo o mesmo trabalho que A FONTE.

Estejam no Júbilo e na Alegria de cada coisa que chegar, sejam inteligentes no seu comportamento com relação ao que a Luz lhes pedir para viver, permitindo que a Luz se expresse nitidamente, em total Transparência.

Até que grau a Luz se expressa com 100% de nitidez?
A Luz fará o trabalho que tem de ser feito em vocês, com pequenos véus que podem ali ficar, portanto, estejam conscientes destes véus, estejam conscientes do que é a Verdade Nua, aquela que a Luz quer transmitir.

Assim também, estarem, digamos, ativos na sua Atenção, em conformidade com o que a Luz deixa-se viver neste momento, é uma dissolução? Um Êxtase total?

Então, desprendam-se totalmente de tudo o que ainda tem a ver com a pessoa, com os assuntos cotidianos. Por um momento, soltem tudo, deixem o momento do Êxtase instalar-se em vocês. Quando a Luz lhes pedir para atuar, quando saírem deste Êxtase, não se deixem tomar por quaisquer reclamações, por qualquer espessamento da sua Consciência.

Sejam capazes de se mover entre as diferentes manifestações com leveza total, com rapidez total, esta é a Graça da Multidimensionalidade. Dessa maneira, desfrutem mais de cada momento, estejam totalmente presentes, seja nas ações cotidianas, seja nos Êxtases imensuráveis, estejam plenamente presentes, aqui e ali!

Deste modo a Luz fará o seu trabalho da forma mais pura possível, digamos, animando o Fogo cada vez com mais calor, com mais intensidade.

Parece que o Fogo vem queimar tudo e cada uma das partes do seu Templo, e esta é a Graça de Agora, dos momentos do Fogo, momentos na Verdade da Eternidade, inclusive da Verdade que é desvendada aqui no seu plano.

Observem como isso vai se clareando, desde o Ser, desde o Absoluto, desde a Alegria.
A Alegria e o Júbilo sempre serão o seu elo, não se deixem cair em estados que podemos dizer e descrever como de confusão, porém não em uma confusão extrema.

Isso pode se instalar em vocês como um sentimento de não pertencer a nada, de estranheza, talvez um pouco de insegurança, de relutância, ainda que isto possa ser um processo de Revelação, saibam que há etapas, porém estejam conscientes seja qual for o estado, que se a Alegria e o Júbilo não estiverem ali, isso significa que estão ainda em algum canto, em algum esconderijo.

Dessa maneira, então, respeitem bem cada instante, cada Graça, cada respiração, nesses momentos em que CRISTO está chegando e vem queimar, atravessando e perfurando os véus da ilusão.

Nesses momentos de Glória e de Majestade, e também da Verdade. Momentos que são de Confronto, com o efêmero deste mundo, com a mentira e a manipulação que foram criadas através das forças de opressão, de compressão gravitacional, de desvio da Luz. Tudo isso se revela agora com força em toda a humanidade, cada um fará o que quiser.

Porém, a vocês, Filhos do UM, do Coletivo do UM, tudo isso já não os envolve, tudo isso está, agora, sendo bombardeado pelas Forças da Luz. Vocês são agora a Eternidade, o Amor Infinito d’A FONTE manifestada aqui na Terra, e esta é uma Graça imensa, uma Alegria para todos, de ver a Terra ser iluminada desta maneira.

Bem, hoje, eu lhes digo obrigado por estarem presentes, por proclamarem a Verdade da Luz, sem qualquer medo e julgamento que apenas são a ilusão da separação. Todos vocês são chamados a serem CRISTOS na Terra, com a Vestimenta Branca, então, celebrem e festejem este Banquete da Luz.

Recebam um abraço de todos os Anciãos, como sabem, eles Dançam com vocês.
O Fogo está chegando a todos os lugares, a Terra se apronta para viver os seus momentos através da ação dos Elementos: o Espírito do UM, d’A FONTE, está agora aqui, presente em vocês.

Esta é a minha pequena mensagem de hoje, e eu vou aproveitar para acompanhá-los nesses momentos tão intensos, enquanto for possível, neste formato.

Se alguns de vocês não forem, saibam que eu estou sempre presente.
Recebam todo o Amor e toda a Paz da Assembleia dos Melquizedeques, recebam toda a Graça de CRISTO.

Um abraço e até breve.


Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) recebida e transmitida por Sijah Sirius, do Coletivo do UM: http://cordefoc.blogspot.com.es/2014/01/om-aivanhov-4-de-gener-2014.html

AS PUBLICAÇÕES ANTERIORES A ESTAS, ESTÃO NA SEÇÃO: ""ESSENCIAIS"".

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

http://a-casa-real-de-rigel.blogspot.com/


Related Posts with Thumbnails