((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

quinta-feira, 9 de junho de 2011

APRENDER A CAIR E CAIR PARA APRENDER - SERAFIM

Por Serafim através de Rosie

08 de Junho de 2011 - 07:30:18 PM
Tradução: Agaceene

Mensagem 58: APRENDER A CAIR E CAIR PARA APRENDER


Serafim através de Rosie, 05 de Junho de 2011



Rosie: Querido Serafim: acabo de ser testemunha de um acidente potencialmente grave - alguém caiu de uma bicicleta. Por sorte, nada foi quebrado, porque o chão era macio e lamacento. E as palavras "aprender a cair" e "cair para aprender" continuam zanzando em minha cabeça...


Serafim: Sim, Querida, vamos pegar "aprender a cair" primeiro. Como as criancinhas aprendendo a andar - uma experiência quase universal da qual pouca gente se lembra - aprender a cair foi o processo de acompanhamento. Ninguém ficava irritado com: atropelar e segurar na mobília ou usar as mãos como apoio era simplesmente uma constante tentativa diária para progredir. Somente como resultado de uma extrema determinação - apesar do constante processo de quedas - a criança têm sucesso em seus primeiros passos. O EQUILÍBRIO NÃO É POSSÍVEL SEM A EXPERIÊNCIA DE CAIR. Cair naquela época era quase inevitável, uma característica da normalidade.

Cair quando adulto, muitas vezes provoca reações do tipo "Como isso pôde acontecer?" ou "Isso é impossível!", ou "Devo ter feito papel de bobo". Isso já não é mais visto como um processo natural que estimula ofertas de ajuda de mãos amigas, mas como um fracasso. E nós dizemos a vocês: ENCAREM A QUEDA, RECONHEÇAM COMO UMA FORMA DE FORTALECER A DETERMINAÇÃO DE ENCONTRAREM UM CAMINHO DIFERENTE, POIS O ATUAL TEM FEITO VOCÊS FALHAREM PARA ESTIMULAR ESSA REALIZAÇÃO.

Depois de uma queda vocês são forçados a se deitarem. Talvez vocês fiquem em estado de choque e perguntem ONDE ESTOU? E, de fato, esta é uma boa pergunta a fazer. ONDE ESTOU? ONDE QUERO ESTAR? ONDE ESTÁ A MINHA ALMA, DIZENDO-ME AONDE IR? Este é um momento crucial de grande potencial, com poder de mudar o rumo de vossa história pessoal. Quanto mais duro o chão que vocês caírem, maior os danos, mais vocês são forçados a se deitar e refletir sobre essas questões urgentes. E se vocês não derem atenção às perguntas e, assim mudarem de direção, o "acaso" ou a "sincronicidade" ou o "desejo da alma" irá arquitetar alguma coisa com um impacto ainda maior para aumentar a potência do sinal de alerta.

Este é o sentido da segunda frase que você ouviu, CAIR PARA APRENDER. Quando você é capaz de ver acidentes com essa clareza, então cada "fracasso", cada "queda", cada decepção, é apenas um trampolim para a próxima fase do processo de aprendizagem rumo à total iluminação. E assim dizemos que CAIAM COM ALEGRIA E GRATIDÃO COM A CONSCIÊNCIA DE QUE ISSO PODE SER TEMPORARIAMENTE DOLOROSO, MAS AO MESMO TEMPO UM JEITO DE CAIR NOS BRAÇOS DO DIVINO.

Original: LEARNING TO FALL AND FALLING TO LEARN

http://abundanthope.net/pages/Rosie/LEARNING-TO-FALL-AND-FALLING-TO-LEARN.shtml

http://esperancaabundante.blogspot.com/
http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails