((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

ANAEL - 12-09-2011 - Autres Dimensions

ANAEL - 12-09-2011 - Autres Dimensions


Eu sou ANAEL, Arcanjo.

Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, que a Paz e o Amor sejam sua Morada.

Comecemos, primeiramente, por um momento de Comunhão, de Coração a Coração.

... Efusão Vibratória ...

Bem amados, meu propósito será, neste momento, mostrar-lhes o que são os 4 Pilares do Coração.

Desde agora certo tempo, foram, evocados, pelos Arcanjos, o que foi denominado os 4 Pilares, chamados de Ética, Integridade, Atenção e Intenção, vindo ancorar, em meio à Cruz da Redenção, entre os pontos AL/OD e IM/IS, o próprio princípio desses 4 Pilares elementares, revelados na consciência ordinária, que eu chamei, em uma época, de HIC e NUNC.

Esses 4 Pilares são chamados a revelar-se, se isso ainda não aconteceu, em meio ao Coração, permitindo, através dos 4 Pilares do Coração (e não mais da cabeça e da consciência ordinária, mas sim ao nível da nova Consciência), estabelecerem-se no Fogo do Coração, da sua Unidade e do seu Estado de Ser.

Algumas dessas Portas, alguns desses Pilares, foram abordados e explicitados (ndr: intervenção de O.M. AÏVANHOV, de 11 de setembro).

Essas Portas têm por nome: UNIDADE, AL, OD e KI-RIS-TI, permitindo sustentar o desdobramento da Coroa Radiante do Coração, o desdobramento de sua Unidade e o próprio acesso ao seu Estado de Ser.

A 4ª Porta (ou o 4º Pilar) foi instalada, desde pouco tempo, pelo Senhor METATRON, que se chama KI-RIS-TI, situando-se na parte de trás do peito.

Este ponto (e esta Porta) está diretamente em ressonância com uma das virtudes cardeais existente na Consciência Unitária, qualquer que seja a Dimensão do Corpo de Estado de Ser, e isso é chamado de uma palavra que é Transparência, ligada a KI-RIS-TI, Filho Ardente do Sol, Luz, Ela própria.

Outras Portas foram explicitadas por alguns Anciãos.
Essas Portas possuem os nomes das virtudes chamadas de Humildade eSimplicidade.

Humildade corresponde ao Espírito (chakra de Enraizamento do Espírito), em ressonância direta com a Vibração interdimensional da Porta UNIDADE.

O chakra da Alma (ou Porta AL) está diretamente em ressonância com o conceito de Simplicidade.

Humildade, Simplicidade e KI-RIS-TI formam um triângulo particular, entre a frente e a parte de trás do peito, vindo então se completar pelo ponto OD (Porta Estreita: primeiro novo Corpo denominado Corpo do Embrião Crístico), possibilitando a passagem do ego ao Coração, pela Porta Estreita, denominada Ressurreição.

Este ponto OD é o 4º Pilar.
Ele é também chamado de Infância, ele é também chamado de Espírito de Pobreza.

Todas essas palavras chamam, de minha parte, além da Vibração dessas Portas, alguns elementos que eu vou tentar revelar, em vocês, pela Vibração e pelas palavras.


Comecemos pela última Porta, aquela que foi aberta recentemente: Porta KI-RIS-TI, em ressonância com a Fusão em meio à Luz Branca, com a dissolução em meio à Transparência, em meio à Unidade, à Verdade e à Beleza.

A Porta KI-RIS-TI é, de algum modo, o impulso CRISTO, realizado por alguns místicos que fizeram a fusão de sua Presença com a presença CRISTO.
Isso foi o caso para algumas Estrelas.

Aquelas tendo mesmo chamado CRISTO, de seu esposo, não sem razão e não sem relação, se o podemos dizer, com o princípio do casamento, no sentido humano, mas transcendido, em um sentido místico. União que é Liberdade e que faz com que se torne Portador, na totalidade, pela Transparência, da Vibração de CRISTO.

Presença essencial nos Mundos Livres.
Isso apenas pode abrir-se e se manifestar na Transparência.
O que é esta Transparência?

Trata-se de uma Transparência, inicialmente, frente a si mesmo.
Trata-se, em um segundo momento (às vezes confundido), de uma Transparência de si mesmo frente ao conjunto do mundo sobre o qual vocês estão.

Isso significa que a um dado momento, na vida da Consciência Unitária, há a possibilidade de se deixar atravessar, inteiramente, pelas energias deste Mundo, sem ali interferir de qualquer forma e de qualquer maneira.

Dando acesso ao verdadeiro desprendimento, dando acesso ao que os Anciãos denominaram Sat Chit Ananda, a Morada de Paz Suprema, Shantinilaya. É apenas na Transparência e, então, na não resistência à penetração de tudo o que pode atravessar uma alma, um corpo e um Espírito, que se encontra a Verdade da Liberdade e da Liberação.

Isso nada tem a ver com a indiferença.
Isso se aproxima do desprendimento, ou seja, ser capaz de viver, no seu mundo, aí onde vocês estão ainda instalados, enquanto se tornando Transparente: não mais ser afetado por um elemento ou por um acontecimento, por uma pessoa ou por um lugar, tornando-se então Transparente, integralmente, e lhes permitindo então viver, não mais na personalidade (disso que foi chamado de corpo de desejo, reagindo aos impulsos), mas estabelecer-se no Corpo de Eternidade, Corpo do Amor e do Coração.

Possibilitando-lhes ser atravessados por todas as correntes de vida, sem interferir e sem reter o que quer que seja, em meio a essas correntes de vida. Que isso se refira a uma pessoa, que isso se refira a um lugar, que isso se refira a uma circunstância, que isso se refira a um acontecimento qualquer que seja, a Consciência da Unidade, naquele momento, torna-se Transparente e atravessa então, sem resistência, as provas, como alegrias, com a mesma Felicidade, a mesma Alegria, o mesmo Júbilo e a mesma Unidade.

Esta Transparência se obtém por CRISTO, tornando-se, vocês mesmos, Filho Ardente do Sol, deixando-se casar e esposar pela Luz Vibral. O impulso desse ponto realiza-se, de maneira concomitante, com a Porta OD.

Passagem à Ressurreição, passagem à Crucificação, inscrita, muitas vezes, no mesmo tempo, no mesmo atravessar do mesmo tempo e das mesmas circunstâncias de sua vida, chamando-os à Pobreza, em Espírito. Ou seja, superar os mecanismos duais da ação e da reação, superar os mecanismos duais de qualquer compreensão, a fim de não mais saber, a fim de se estabelecer em meio ao Ser e em meio à Unidade.

Isso representa um ‘eixo vertical’, da mesma maneira que existia um eixo AL / OD (Atenção e Intenção), ao nível da cabeça. Nesses 2 Pilares verticais, constituindo um eixo vertical do Coração entre KI-RIS-TI e OD, vocês realizam o princípio da Nova Aliança, da nova Eucaristia.

Pode, então, se estabelecer o que é denominado Humildade e Simplicidade.
Humildade estando em ressonância com o ponto IM da cabeça, chamado também de HIC, porque é efetivamente aqui (ICI), desembaraçado de todo este futuro, desembaraçado de todo este passado, desembaraçado de qualquer passado, desembaraçado de qualquer futuro, que vocês podem alinhar-se na Vibração do instante eterno do seu presente, denominado HIC.

Isso ocorre de maneira concomitante à instalação da Humildade.
Porque a Humildade não tem o que fazer de qualquer reivindicação do eu, não tem o que fazer de qualquer atribuição de papel e de função, neste mundo.

É isso que é denominado, em termos comuns, Humildade: tornar-se de novo humano, tornar-se húmus, isto é, o sal da Terra e o pó da Terra.

Realizando, assim, as palavras: “tu és pó, e ao pó voltarás”, consistindo em não mais se identificar a qualquer efêmero (seja no corpo, nas reivindicações e em uma presença efêmera), mas transmutando esta instalação no Eterno.

Humildade: Sopro do Espírito, Sopro da Verdade, Vibração da Unidade, aceita, aquiescida e integrada. Ao lado da Unidade, simétrico em relação ao ponto ER do peito (Irradiação da Fonte), encontra-se a Simplicidade.

Na realidade, o Amor é simples, contrariamente às construções existentes neste mundo, sobre o qual vocês estão, necessitando justificação, explicação,reivindicação e ação-reação. A Simplicidade da alma (AL que se volta para o Espírito), a Simplicidade do Espírito reencontrado, manifesta, neste próprio mundo, o Espírito de Simplicidade.

Isso significa que a vida se torna simples, ela não coloca qualquer questão.
Na Transparência a mais total e na Crucificação a mais total, a Unidade é então centrada. Segundo esses 4 Pilares, o Coração pode, então, abrir-se, tal como uma corola, e Vibrar no Fogo do Coração, da Coroa Radiante do Amor.

Os 4 Pilares, portanto, são assim estabelecidos, pela Vibração das Portas, permitindo-lhes, então, manifestar a Coroa Radiante do Coração, possibilitando transmutar as virtudes cardeais (denominadas elementos), situadas ao nível dos pontos AL-OD e HIC e NUNC da cabeça, revelá-las no peito.

Este trabalho é um trabalho de Abandono total, de fidelidade ao CRISTO, de fidelidade à Luz.

Fazendo desaparecer, por completo, o corpo de desejo.
Fazendo-os passar a Porta Estreita, estabelecendo-os no casamento místico da nova Eucaristia com CRISTO, MARIA e MIGUEL.

Permitindo, pelo caminho da Humildade e pelo caminho da Simplicidade, estabelecer-se no ER, ou seja, no Coração e no Centro. Naquele momento, o Fogo do Coração abrasa-os e lhes permite ser estabilizados na Alegria, em Sat Chit Ananda e viver a Paz e a Morada de Felicidade Eterna.

A Porta Estreita, a Humildade, a Simplicidade e a Transparência são as quatro virtudes cardeais do Coração, possibilitando transcender, de alguma maneira, a Atenção, a Intenção, a Ética e a Integridade, nessas virtudes, não mais impostas ou acatadas, mas vivenciadas, realmente e em Verdade, no Coração.

É nisso que o desdobramento final dos quatro elementos (denominados também os quatro Querubim ou os quatro Hayoth Ha Kodesh) vai permitir realizar a Fusão da nova Tri-Unidade (inscrita, desde quase um ano, nos pontos denominados, ao nível do Coração, o Triângulo da nova Tri-Unidade).

Cabe a vocês ajustar-se e se fundir em uma mesma Verdade: aquela da Unidade, pelo quaternário dos 4 Pilares, permitindo integrar-se na Trindade, reunir-se à Unidade e ali estabelecer sua Morada.

Através das novas fundações, da Porta OD.
Através da Transparência, do Corpo de Estado de Ser.

Através da Humildade e da Simplicidade.
Transformação de HIC e NUNC, permitindo-lhes penetrar o Tempo sem tempo, além deste mundo e além dos tempos deste mundo, a fim de viver a Verdade.

Eis o que lhes é proposto, pelo conjunto dos Arcanjos, pelo conjunto dos Anciãos e das Estrelas, reunidos, doravante, na mesma Assembleia, conduzindo-os a viver conosco, Arcanjos, a Unidade, na totalidade.

Então, resta-lhes estabelecer-se, em Consciência e em Verdade, através desses 4 Pilares, no Fogo do Coração (Fogo do Amor, Fogo da Alegria, Fogo da Verdade) e, enfim, aceder ao que vocês São, em Transparência, em Pobreza, em Humildade e em Simplicidade.

Esses 4 Pilares são as 4 Portas, as últimas, levando-os a viver o Fogo do Coração e a ignição do ponto ER, no centro do peito, conferindo, naquele momento, como isso lhes foi dito, a capacidade para viver a Irradiação d’A Fonte, tornando-se vocês mesmos, pela Transparência, A Fonte.

Vivendo, por si mesmo e por esta Transparência, a passagem da Porta Estreita.
Pela Humildade, pela Simplicidade, provindo de HIC e NUNC, estabelecer-se em meio à Cruz centrada, aquela que os faz viver a Verdade do Éter, além do confinamento dos quatro elementos deste mundo.

O momento é para o desdobramento, como vocês o constatam, da Luz Adamantina (em sua fase a mais importante que se situa a partir de amanhã, em termos do calendário Terrestre), levando-os a viver, em vocês, o desdobramento desses 4 Pilares. Conduzindo-os às Portas da Interdimensionalidade, às Portas do Estado de Ser, às Portas da Verdade, às Portas da Alegria e às Portas de sua própria Eternidade.

Uma série de elementos serão dados, de maneira complementar, permitindo, por manobras muito simples, para aqueles de vocês que ainda não vivenciaram o Fogo do Coração, de maneira estável, tentar ali se estabelecer, pelo seu Abandono em meio aos 4 Pilares, e viver a Unidade, plenamente (ndr: ver o protocolo a ser publicado em breve, em processo de finalização).

Eis o que o Conclave Arcangélico, do qual eu sou o Embaixador, encarregou-me de divulgar a vocês, hoje, de divulgar sobre esta Terra, despertando as 4 Direções da Terra.

Permitindo, portanto, a passagem da Porta Estreita da Terra, confirmando a libertação da Terra, para um momento extremamente próximo, em termos Terrestres.

Em meio a essa passagem (como os Anciãos, as Estrelas e nós mesmos, denotamos a vocês), nós estamos doravante à borda de sua Dimensão, ao lado de vocês (para as Estrelas), em vocês (pelas Portas).

E em vocês, pela irradiação do Amor, que nos une e nos reúne, na Liberdade e na Autonomia. Bem amados Filhos da Lei do Um, bem amadas Sementes de Estrelas, neste instante (antecedendo nosso alinhamento, onde eu permanecerei entre vocês e em vocês), nós iremos acolher a Vibração dos 4 Pilares, à minha maneira.

Primeiramente, acolhamos a Porta KI-RIS-TI, em ressonância com o Anjo METATRON.

... Efusão Vibratória ...

Bem amadas Sementes de Estrelas, acolhamos agora o segundo Pilar: OD, a Porta Estreita, a Pobreza e a verdadeira Riqueza.

... Efusão Vibratória ...

Acolhamos agora o terceiro Pilar (em ressonância com HIC, ICI): Pilar da Humildade, Porta da Unidade.

... Efusão Vibratória ...

Bem amados Filhos da Lei do Um, acolhamos e ressoemos, agora, o último Pilar: aquele da Simplicidade, em ressonância com NUNC, Porta AL.

... Efusão Vibratória ...

Bem amadas Sementes de Estrelas, resta ligar, no centro do Coração e no centro do ponto ER, o conjunto dos 4 Pilares.

Então, pode ressoar o Som do Éter, o Som da Terra e o Som do Céu, novamente reunidos e liberados.

... Efusão Vibratória ...

Dessa maneira, nós poderemos, juntos, reunidos e Unificados, viver o alinhamento à Merkabah interdimensional coletiva, tendo feito ressoar e Vibrar a base dos 4 Pilares.

Juntos, agora, eu estou em vocês, e com vocês, para Vibrar, no Canto do Éter da Merkabah.

... Efusão Vibratória ...

Filhos do Um, que a Luz CRISTO seja sua Verdade.

Eu sou ANAEL, Arcanjo.
E eu lhes transmito Bênção e Amor.

Até breve.

Mensagem do Bem Amado ARCANJO ANAEL no site francês:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=1192
12 de setembro de 2011 (Publicado em 16 de setembro de 2011)
Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com
http://www.mestresascensos.com/
http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails