((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

domingo, 14 de agosto de 2011

CROP CIRCLES DE JULHO E AGOSTO DE 2011 E AS MUDANÇAS IMINENTES

Crop cicle de julho e agosto e as mudanças iminentes

Olá Anthonio e Thaís,

Estou lhes enviando uma análise que traduzi e inferi do site Starviewer (http://starviewer.wordpress.com/2011/08/11/los-cambios-que-vienen-la-oportunidad-de-transcendencia-los-circulos-de-las-cosechas-y-el-cambio-de-plano/#comments). Achei muito acolhedor a tudo que se tem lido em canalizações, experimentado e falado sobre meditações e escolhas conscientes. Fiquem à vontade para as suas próprias análises e conclusões, creio que é momento de somarmos e compartilharmos as informações que estão gritando para quem quiser ouvir.

Uma grande abraço e muita Luz,
Simone



Artigo do site http://starviewer.wordpress.com/

O presente artigo aborda uma exposição dos Crop Circles. Para transcedermos precisamos mudar nossa visão do Universo e mudar a direção de nossa "equação" de decisão. Vejam o vídeo com os Crop Circles:



Os últimos Crop Circles incidem especialmente na necessidade de mudança de nossas bases de crenças, mas, ao mesmo tempo, representam uma clara confirmação da existência de planos e realidades supersimétricas conectadas com nossas percepções e a base de nossas escolhas.

As séries de novos círculos, que surgiram em julho e agosto/2011, parecem nos advertir sobre as mudanças cósmicas que já estão se materializando, a atividade solar e seu desenvolvimento, bem como as propriedades de co-evolução de ondas.

Mas o conjunto desta mensagem de caráter físico também nos adverte sobre a necessidade de mudar nossos paradigmas e nossa forma de conceber a realidade se quisermos mudar de plano (dimensão).

A mudança de plano, claramente, pode ser observada no Crop Circle abaixo:

A imagem deste Crop apareceu em 6 de agosto de 2011, próximo a Furze Knoll, Wiltshire (UK).

Os especialistas concordam que isto representa a mudança no nível de nossa consciência da terceira densidade. A questão básica é uma comparação entre as realidades lineares e as mudanças que teremos que enfrentar para ter acesso à transcendência de nível de plano de consciência.

É lógico considerarmos que, na separação das energias e no tempo de passagem, se enfrentará um salto de plano (salto quântico) que podemos considerar uma mudança radical da forma em que concebemos as fontes de energia e especialmente nossas emoções (ver: o horizonte de eventos: a densidade do tempo é inversamente proporcional a densidade da matéria em http://starviewer.wordpress.com/2011/07/06/el-horizonte-de-eventos-la-densidad-del-tiempo-es-inversamente-proporcional-a-la-densidad-de-la-materia/).

A Intersecção entre tormentas solares, mudanças de estados de energia e modificações da matéria, como já exposto no Starviewer, se materializa em uma equação de decisão que implica "MUDANÇA", fluição e realização oportuna de mudanças para enfrentar o interior desta ascensão de plano (dimensão). Ver: Teoria sináptica no meio galáctico - sinapses estelares: co-evolução de fases de ondas: http://starviewer.wordpress.com/2011/07/20/teoria-sinaptica-en-el-medio-galactico-la-sinapsis-estelar-convolucion-de-ondas-fase/

Mas a questão assume uma maior transcendência do que uma simples passagem de olhos pode apresentar:

Ao entrar em convergência com nossos próprios processos emocionais, modificamos a realidade gerando um contexto de "dobra de espaço-tempo" que permitirá inter-atuar em nossas cenas de vida. A questão reside mais na velocidade de tomada de decisões que nas decisões por si mesmas.

A velocidade na tomada de decisões implica também na capacidade de percepção consciente das mudanças e nesse sentido falaríamos de uma "aceleração fractal do tempo", tal como já exposto em: http://starviewer.wordpress.com/2011/06/27/convolucion-nuevo-crop-circle-en-worlaby-lincolnshire-18-de-junio/

Acima: O Crop Circle que apareceu em Lincolnshire em 18 de junho de 2011.

Mas que relação existe entre o tempo fractal, a co-evolução e as realidades supersimétricas (a mudança de plano/dimensão)? Lembremos que como é "acima", é "abaixo" (obs: na Unidade não haveria esta "separação"), o que implica que as mudanças físicas e psicológicas que estamos experimentando "abaixo" e em nosso interior, influenciam nas mudanças de realidades que estão se produzindo no cosmos (obs: já falaram em canalizações que é um evento cósmico e inclusive deste sistema solar). De alguma form, a a agregação das diferentes realidades individuais de cada um de nós incide de forma concreta nos eventos cósmicos. Portanto, somos multiversos inter-conectados com outro Universo do qual formamos parte, assim como as células formam parte de nosso organismo. Portanto, o Universo está dentro de cada um de nós (obs: por isso somos de toda Eternidade) e ele nos permite ativar/desativar cada uma das cenas possíveis de alternativa de vida.

Esta circunstância implica a necessidade de interpretar de forma conjunta o que em julho de 2010 já denominávamos as realidades supersimétricas no plano de equação de decisão. Vejamos: (STV20100731i, STV201005superdualidad; STV20100603; STV20100622 e STV20100531).

Lembremos, desde já um ano, que observamos, então, que as mudanças se dariam pela contínua interação da equação de decisão desde dentro de nossa própria lógica de exercitar o livre arbítrio.
Nesta figura podemos ver como o sistema de realidades supersimétricas e a equação de decisão dependem de cada escolha individual que no momento se converte também em uma decisão concreta no cosmos, já que a decisão coletiva é consequência/causa da agregação de nossas decisões individuais (obs: tudo será feito estritamente conforme a sua vibração ou fé).

De alguma forma as células (nossas) nos integram no organismo (cosmos) do qual somos parte e carregamos a mesma programação codificada em um projeto comum (nosso DNA) (obs: estamos sendo limpos e reprogramados dentro do Templo - nosso corpo - para a mudança da lagarta para borboleta).

Assim, são as RS (realidades supersimétricas), nossas emoções, que combinadas com nossos pensamentos (obs: ou você está no amor/paz ou você está no ego), que nos fazem ver a existência da mudança de planos/dimensões desde a conexão consciente com o Universo (obs: por isso a diferença das "escolhas" conscientes de abertura de chacras, novos corpos, estrelas e portas em meditação) com o Universo.

Pois bem, a sucessão de Crop Circles surgidos nos últimos dias refere-se continuamente a cada um desses subprocessos da equação de decisão, tanto a nível cósmico, como a nível universal individual.

Se tomamos da esquerda para a direita as figuras acima, que correspondem a cada um dos Crop Circles surgidos nos meses de junho e julho deste ano, podemos observar que há: Co-evolução e superposição de realidades (lembremos que a energia ying e yang supõem uma diferença de equilíbrio de forças em superposição). Mas, o que se sucede às realidades que co-evoluem num ponto? Então, em cada instante do tempo temos um subconjunto desse tempo, ou uma subescala temporal que permite acelerar/desacelerar as decisões desde a própria consciência do ser.

Uma vez que temos descoberto esta capacidade, necessitamos investir a carga, o peso das paixões e expectativas sobre nossas decisões (obs: daí a importância de viver o Hic e Nunc - aqui e agora - para estar "leve" no processo e não alimentar o ego e ficar preso na linearidade) e aí é quando podemos cruzar as oscilações harmônicas com as fases de ondas.

Por isto, queremos dizer que conseguiremos mudar a matéria, modificá-la desde a sua energia (obs: Vibração/Frequência e mudança de oitava), porque trabalhamos nesse momento no espectro puro das ULF (as ULF Ressonâncias Schumann). Nesse ponto, estamos tomando decisões e modificando a realidade sem fazer nada, desde o amor, desde o silêncio (obs: aqui eu pulei da cadeira de alegria por poder participar na humildade de toda esta grandeza que estamos na iminência de viver) e projetando nossos pensamentos (obs: ou melhor, abandono à Luz, à Fonte, ao Cristo) no espectro dos 13 Hz, ou inclusive chegando a uma aproximação de pulsos que vão desde os 10Hz aos 13Hz. Ver: (STV23052011, STV13052011).

Quando somos capazes de gerar desde nossa conexão consciente os processos de fluidez emocional positiva (obs: leia-se "casa limpa" ou coração limpo), conseguimos uma espécie de estado de "pura consciência" (obs: Turiya ou estado de Unidade) que literalmente nos retira do barulho e nos permite entender as ameaças (ou nossos medos) como oportunidades na hora de poder tomar decisões, modificando continuamente e constantemente os planos da realidade (obs: não entrar mais nos jogos de ego e poder, conseguir ver além das máscaras, o face a face e a não separação do todo). Essa representação pode se ver na figura na extrema direita das imagens/representações de Crop Circles acima , na qual claramente aparece uma Fibonacci de estrutura fractal, na qual o tempo se acelera/desacelera continuamente.

Para a confirmação destas realidades, é necessário a verificação das decisões do Universo Inteligente e no último Crop Circle surgido em 7 de agosto de 2011 vem a confirmação do que foi exposto até aqui:


E a observação está clara, voltamos novamente ao ponto de co-evolução, o número Phi como a Fibonacci nas imagens de realidades supersimétricas. Dessa forma, todos somos parte da "mente" (coração) do Universo Inteligente, na medida em que todos inter-atuamos com nossas decisões e ao mesmo tempo em um contínuo da imagem do "não tempo" (obs: este Crop Circle lembra um "relógio") decidimos se ficamos presos à matéria (obs: 3D em outro planeta) ou transcendemos de plano/dimensão de forma livre e contínua (obs: autonomia e eternidade). A decisão implicará entender como as inteligências de nosso plano da galáxia chegaram a superar a nossa infantilidade e passaram à maturidade (obs: aqui é uma leitura muito 3D de vida, não atingindo a idéia da multidimensionalidade da vida e do tempo não linear, e escolhas de missão).

Mas todos somos Uno com o Universo, assim, esta é a razão de nossa importância a nível cósmico e quântico (obs: o Pai não nos abandonou). Ver Estudio detallado de la ecuación de Drake a la luz de los datos de la misión Kepler.

E daí a importância da transcendência da mudança de plano/dimensão.(Documental: Exociencia. Una nueva perspectiva del estudio del Universo.)

O que já está claro é que de nós depende realmente escolher um cenário ou outro (co-evolução ou extinção), e não podemos nos esquivar por mais tempo a equação de decisão (obs: daí a separação das humanidades como no joio e trigo) porque formamos parte do ciclo cósmico, juntamente com as inteligências transcendentes da Galáxia (STV25102011).

Não haverá meio termo: Ou Amor incondicional e transcendência de plano ou Extinção por ficarmos presos ao plano das densidades e a gestão da escassez (obs: volta a 3D rudimentar, mas não mais separada do Pai) em um Universo repleto de abundância do qual somos parte ativa (STV26072010).

Como a Profecia Hope, igualmente existem duas realidades supersimétricas que dependem de uma escolha do ser humano. Ver: BibliotecaPleyades150032009


Lembremos que segundo os Hopis: "Aqueles que estão na paz em seus corações já estão no Grande Refúgio da Vida".

Temos portanto duas realidade concretas:

- Transcendência "AMOR" (em grego significa harmonia universal) - desde o interior em ressonância com o Universo Inteligente (13Hz). Isso implica co-evolução e mudança de plano.

- Extinção "MOR" (em grego significa chaos/caos) - a opção de deixarmos nos levar pela ira, o ódio e o medo, implica guerra e destruição. (obs: por isso a importância de centramento e estado de paz)

A decisão é de cada ser e a humanidade como um conjunto em sua realidade concreta. Tirem as sua próprias conclusões.


Fonte: http://starviewer.wordpress.com/2011/08/11/los-cambios-que-vienen-la-oportunidad-de-transcendencia-los-circulos-de-las-cosechas-y-el-cambio-de-plano/

Enviado e traduzido por Simone
Enviado também por Rosa
Tradução e observações: Simone - http://morgenstern2000.blogspot.com

http://minhamestria.blogspot.com
http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails