((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

quarta-feira, 25 de maio de 2011

O.M. AÏVANHOV – 22-05-2011 - AUTRES DIMENSIONS

O.M Aivanhov - 22-05-2011


Mensagem publicada em 24 de maio, pelo site AUTRES DIMENSIONS.

E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los.
Eu lhes transmito todas as minhas Bênçãos.
Então, eu venho, como de hábito, para interagir com vocês, ver se vocês têm questões e sempre avançar nesse Caminho que me é querido.
Então, eu sou todo ouvidos e escuto o que vocês têm a me perguntar.

Questão: eu tomo consciência de que não há acaso, e de que os mínimos detalhes da vida têm um sentido. É efetivamente exato?

Então, cara amiga, primeiro, vou dizer a você: nas bicicletas não há marcha ré, não é? Geralmente.

Isso quer dizer o quê?
Que nada é por acaso, a partir do instante em que o ser engaja-se no Caminho do Coração.
Ele procura, com Verdade, o Coração, e nele vive as Vibrações.
Naquele momento, o acaso é uma palavra a banir, uma vez que nós dissemos a vocês que tudo o que se desenrola em sua vida, naquele momento, far-se-á sob o princípio da Graça, sob o princípio da Fluidez da Unidade.

Isso quer dizer o quê?
Que, a partir do momento em que sua Vibração aproxima-se, e inclina-se para a Luz, tudo o que pode produzir-se vai ao mesmo sentido.
Portanto, a palavra acaso nada quer dizer.
Ela nada quer dizer, já nos tempos comuns.
Os seres humanos chamam de acaso as coisas que não conseguem compreender, com o Coração, justamente.

Mas eu esclareço a você que o acaso não existe, mesmo nos detalhes os mais insignificantes da vida ou da natureza.
Tudo é sustentado pelos campos de força (mesmo na prisão).
Uma árvore vai cair em tal lugar, fulminada pelo raio, ela vai esmagar uma casa.
Dirão que é o acaso, porque o ser humano, justamente, não tem acesso à percepção que se chama causal, ou seja, o verdadeiro Éter.
Mas é muito bom percebê-lo.
Poder-se-ia dizer que o acaso é apenas o nome para a Ignorância do Coração.
Mesmo na prisão.

Questão: recebi uma iniciação, de um movimento que achei um pouco sectário. Vivi, no entanto, essa iniciação como uma chamada à ordem para a Luz.
Perfeitamente.
Mesmo as coisas as mais opostas à Luz ajudam-nos a ir para a Luz.

Agora, todos os processos que surgem, atualmente, são apropriações da Luz por egos inchados, que estão persuadidos de que apenas eles é que podem transmitir a energia.
A energia não tem necessidade de ninguém.
A Luz está por toda a parte.

Questão: posso continuar a dar e receber essa iniciação, ou devo abster-me?
É uma iniciação que faz descer o Supramental.
Ora, o Supramental já desceu.
A única coisa que vocês têm a fazer é permitir a ele estabelecer-se no Coração.
Como eu disse, não há iniciação alguma que permita realizar isso.
É uma farsa crer que um ser humano vai abrir seu Coração.

É impossível.

Todo o princípio das iniciações (que é uma palavra presente desde numerosas centenas de anos sobre esta Terra) é um princípio magistral de Falsificação.
Não há qualquer ser humano que possa abrir o Coração.
Então, é claro, há técnicas energéticas Vibratórias, que permitem colocar em ressonância as estruturas.

Mas, o que é que se diz a vocês, a cada vez?
Isso se realiza, justamente, porque vocês Nada são.
Agora, a maior parte dos processos, chamados iniciáticos ou iniciações, não se chamam assim por acaso.

Iniciação vem do latim iniciare.
Isso quer dizer: colocar no Caminho.
Mas vocês são o Caminho.

Como é que algo pode pretender colocá-los num Caminho, uma vez que vocês são o Caminho?
E, em definitivo, para o Coração, não há Caminho, há apenas a perceber que vocês o São.


O que quer dizer que é sempre o ego que vai apreender-se desse tipo de trabalho, mesmo se, efetivamente, esse tipo de trabalho seja justamente feito para desencadear pilhas de mecanismos.
Mas esses mecanismos não visam, jamais, abrir o Coração.
Eles visam abrir o terceiro olho, exclusivamente.
Todas as iniciações que existiram, pelo passado ou agora (exceto em algumas tradições, onde há ritos de passagem que são extremamente precisos), visam apenas a uma coisa: é a inflação do ego, que se crê chegado.

Mesmo o CRISTO, frente a vocês, não poderia abrir seu Coração.
Nós sempre dissemos: apenas vocês é que destrancam as portas de seu Templo, de seu próprio Interior.

Vocês verão, aliás, que haverá um palanque de Cristos sobre esta Terra, se não está já feito.
Haverá um palanque de Marias.
Haverá um palanque de mestres do Supramental.
Isso faz parte da Falsificação.

Buda dizia: «quando você chegar ao nível dos poderes (ou seja, os Siddhis, os poderes da alma), salve-se rapidamente».
Porque se encontram, naquele nível, os poderes espirituais e, portanto, o ego espiritual, que se apropria da Luz, estando persuadido de ter chegado ao Coração.
É apenas um inchaço do ego.

Mas, eu repito, eu não digo isso para condenar, porque isso permite, justamente, durante este período, dar-se conta de onde está a Verdade.
E onde ela não está.

Enquanto um ser humano reivindica uma posição precisa sobre esta Terra (e, sobretudo, ao nível espiritual), vocês estejam seguros de enganarem-se grosseiramente e de que é um ego magnífico que se apresenta a vocês.
Então, é claro, os seres humanos têm sempre tendência a serem seduzidos.
Pelos homens políticos, pelas estrelas.
E, para aqueles que estão num caminho dito espiritual, eles serão seduzidos por aqueles que estão no ego espiritual.
É tão simples assim.

Mas nada há a condenar, é apenas um modo de tomar Consciência.

Questão: o que é a Visão do Coração?

Eu não posso definir-lhe a Visão do Coração.
É como se você me perguntasse como é a Multidimensionalidade.

Enquanto você mesmo não a viveu, nenhuma palavra pode corresponder à Verdade do que é vivido nas outras Dimensões.
Pode-se descrever o mundo astral, obviamente, dado que isso faz parte da Ilusão e do mesmo nível Vibratório que o seu.

Mas, assim que vocês penetram os estados em que não estão mais localizados num espaço ou num tempo, onde vocês não estão mais limitados por uma forma, é impossível falar disso com palavras humanas.
São espaços Vibratórios e esses Espaços Vibratórios não podem acompanhar-se de palavra alguma.

A Visão do Coração, quando você penetra ao Interior, você saberá instantaneamente o que é.
Do mesmo modo, quando você sai da matriz e penetra seu Corpo de Existência, não há qualquer questão que surja, porque não há mais mental.
Você o vive.
Você está na experiência da Vibração da Existência.
Mas, uma vez que você volte a esse plano, você não pode defini-lo.

Eu vivia isso, em minha vida, todas as manhãs, frente ao Sol.
Mas eu jamais pude disso falar.
Então, alguns seres que me viram voltar de minhas meditações, descreveram-me quão Transfigurado, quão Iluminado e quão irradiante de Luz.
São palavras.
Mas elas não correspondem, absolutamente, à realidade do que é a Existência.

Nesse corpo, estabeleçam-se no Coração.
Não se coloquem esse gênero de questão, porque isso não pode ser respondido por palavras.

Isso pode apenas ser Vibrado.
Do mesmo modo, ver com o Coração não pode definir-se, mesmo se possa traduzir-se, depois, por palavras.
Mas as palavras vão participar, já, da Falsificação do que é a Verdade desse estado.

Se eu lhes descrevo MIGUEL, em sua 18ª Dimensão, eu poderia fazer um raciocínio analógico (em relação a uma forma, em relação a uma ordem de grandeza), mas isso seria extremamente limitado e totalmente falso em relação à Verdade do que é.

Do mesmo modo que o ser humano e os princípios de iniciação são os mesmos.
É o princípio da Falsificação.
Quer dizer, o que é que farão os seres que lhes propõem iniciações atualmente?
Eles vão falar-lhes, é claro, de quê?
De Amor e de Coração.
Mas jamais vocês viverão a Vibração do Coração.
E a Ilusão a mais terrível é esta: é crer que o Coração é um conceito, que o Coração é simplesmente uma visão do espírito, ou um comportamento de tipo amor.
Nada está mais afastado do que essa visão.


O Fogo do Coração é um estado.
Quando vocês estão nesse estado, vocês sabem, porque vocês vivem certo número de marcadores (se se pode dizer).
Mas, nesse estado, não há mais questão, vocês são a Vibração, enquanto aqueles que estão na Ilusão vão falar-lhes de amor, todo o tempo, com grandes palavras.
Mas eles não o vivem.

É por isso que nós insistimos sobre a Luz Vibral.
Porque, nas iniciações, falam-lhes também da Luz.
E vocês vão fechar os olhos, e vocês verão uma luz fantástica que lhes preenche a cabeça.
Vocês verão coisas do passado.
Vocês verão o que se chamam os poderes da alma (ou seja, os Siddhis).
Mas isso não corresponde ao Coração.

E, é claro, muitos seres humanos iludem-se, crendo que chegaram ao Coração.
Eles chegaram ao coração do ego.
De onde é preciso rapidamente salvar-se.

Em resumo, enquanto vocês creem ser algo, vocês não podem ser o Tudo.
CRISTO ilustrou-lhes por sua vida: «seu Reino não é desse mundo».
Enquanto vocês creem que vão encontrar uma solução para a vida, pelas leis da vida nesta Dimensão, vocês se enganarão, seguramente.

Seu Reino não é desse mundo.
As Leis do Espírito não são as leis da matéria.
É o que quiseram fazê-los crer.

É muito importante: vocês não podem identificar-se ao que quer que seja.
Enquanto vocês creem viver uma iniciação, vocês não vivem o Coração.
O Coração não tem necessidade de reivindicar o que quer que seja.
O Coração é um estado de Paz, de Alegria (tudo isso nós dissemos, de diferentes modos), com Vibração.

A Luz Vibra.
Ela é Amor, mas não na cabeça.
Na Verdade do que é vivido.
Então, o exemplo que se pode tomar é: há, no ser humano, o sentimento amoroso que vocês sentem (com palpitações, por exemplo) quando reencontram alguém a quem vocês amam.
Por vezes, isso acontece mais abaixo, mas admitamos que aconteça unicamente ao nível do coração.
O coração vai acelerar, vocês terão uma emoção de amor.
Mas isso não é o Coração, é um sucedâneo do Coração.

O Coração é uma Vibração, que os estabelece na Unidade.
Obviamente, todas as escolas iniciáticas (e, sobretudo, desde o século XX) tudo fizeram para evitar falar-lhes da Unidade.
Porque aquele que descobre a Unidade está para além do Bem e do Mal.
E o Coração é exatamente isso.


Enquanto vocês falam de amor, há dualidade.
Quando vocês Vibram o Coração, há Unidade.

Na Vibração do Coração há todas as respostas, porque ela os coloca num estado de Plenitude.

Então, nesse estado de Plenitude, há várias fases.
Isso pode ser a Dissolução no Tudo ou, então, tornar-se como um ponto, nada mais.
Mas isso se acompanha sempre, no mínimo, da Paz e, no máximo, de Um Amor inacreditável, com uma Vibração de Fogo.

O Amor é um Fogo devorador, é o Fogo do Espírito.
Não é um conceito que se situa na cabeça ou numa energia que vai circular na cabeça.
Então, é claro, agora (desde a ativação das Estrelas, desde a Cruz da Redenção, desde o trabalho de METATRON), o terceiro olho luciferiano foi, como dizer..., estendido.
Portanto, ele não está mais confinado.
Mas há ainda seres que «chafurdam», literalmente, na Vibração desse terceiro olho, porque eles têm poderes.

Enquanto há o mínimo grama de poder em vocês, qualquer que seja (espiritual como para com outra pessoa), vocês não vivem o Amor, na Vibração.
O poder e o medo são duas coisas que se opõem, formalmente, à Vibração do Coração.

Questão: é exato que os seres de Luz, não vendo os humanos, utilizam, por vezes, o olhar de um animal para observar ou para manifestar-se?
Perfeitamente.
Vocês são invisíveis, isso se junta à questão precedente.
Vocês estão na Sombra.
A Luz não existe nesse mundo.

Por que os Anjos do Senhor, os Vegalianos, têm óculos um pouco específicos, cápsulas, sobre os olhos?
Para vê-los.
Vocês estão numa projeção.
E vocês são invisíveis, porque vocês estão na Sombra.

Então, obviamente, assim que um lugar, uma assembleia, dirige-se para o Coração, assim que um ser Multidimensional consegue penetrar em seu espaço, vocês serão iluminados.
O que explica também que, quando um Ser de Luz (e não um estúpido astral) chega à sua Dimensão (quando eu venho, por exemplo, nas curas espirituais), vocês sentem o que é feito.
Enquanto, no astral, não há qualquer percepção, há apenas emoções.
É toda a diferença.

Um Ser de Luz que se manifesta, aqui, entre vocês, aporta-lhes a energia.
Um estúpido astral que viria entre vocês, manifesta-se tomando-lhes sua energia.

Portanto, não há a estrutura específica do corpo mental do ser humano e confinamentos nos programas de vida, alterados ou falsificados.
Mas pode-se fazê-lo, também, do mesmo modo, no interior de um ser humano, como eu o faço aí.
E, aí, naquele momento, não é a visão pelos olhos (ainda que eu possa fazê-lo no curso de um processo específico de walk-in), mas é uma Visão do Coração.

Questão: manifestar-se pelos olhos de um animal corresponde a um objetivo específico?
É apenas uma observação.
Mas não é algo muito frequente, em todo caso, para seres humanos.
É mais fácil, para um Anjo, ver pelos olhos de um animal, porque este não está falsificado, mesmo se haja animais que são paródias da Criação.

Mas o animal obedece a um programa de vida, nesta Falsificação, que é justamente devido à ausência de mental.
Sem pensamentos, sem mental.
A partir daí, um Anjo pode muito bem enviar uma parcela dele, para ver através dos olhos.
Era, como dizer..., uma coisa corrente em minha vida, porque o Espírito Santo não havia ainda chegado sobre esta Terra.

É muito mais frequente (eu me esqueci de dizer) para os animais ditos domésticos.
É muito mais raro, por exemplo, para um leão ou para um tigre.
Mas nos gatos e nos cães, por razões precisas, ao nível Vibratório, é muito mais fácil.

Questão: por que existem corpos segundo as Dimensões, enquanto o Espírito é Espírito?
Mas o Espírito é um Corpo.
Simplesmente, eu repito, em sua cabeça, quando vocês falam de corpo, vocês falam de algo que é fixo numa forma, num espaço e num tempo.

Os Corpos de que falamos não têm limite algum de espaço, de tempo ou de forma.
Viver a Dissolução na FONTE é também certa forma de corporeidade, porque vocês definem um corpo em relação ao que vocês conhecem.
Mas o Espírito é uma forma de Corpo, porque, na matéria, vocês fazem uma oposição entre o corpo e o Espírito.
Mas o Espírito tem uma forma mutável.
O Espírito está Presente por toda a parte.
O Espírito não está localizado, ele viaja de Dimensão em Dimensão.

Por exemplo, o Arcanjo MIGUEL tem uma forma precisa na 18ª Dimensão, e uma Vibração precisa.
Ele tem outra forma, outra Vibração, na 5ª Dimensão e, no entanto, é o mesmo.
Mas ele está, ao mesmo tempo, aqui e em milhões de lugares ao mesmo tempo.

Vocês não podem compreender essas noções de Multidimensionalidade com seu cérebro.
Vocês apenas aplicam regras, chamadas ação / reação, corpo / alma / espírito, que não correspondem estritamente a Verdade alguma.
Porque vocês empregam um raciocínio analógico.
Mas isso não existe lá em cima.

Não há diferença alguma entre viver a Dissolução na FONTE e tornar-se um Ser de cristal.
É a mesma coisa.
O tempo não é o mesmo, ele não existe, no sentido que vocês o entendem.

Questão: mudar de frequência Vibratória faz migrar o Espírito de uma forma à outra?
Nos estados Multidimensionais, sim.
Se MIGUEL se aproxima da Terra (ele está no Sol, ele está liberando o Sol, desde anos), a Terra explodiria.
Ele é maior do que a Terra, MIGUEL, em sua Dimensão de origem.

Questão: durante os períodos de alinhamento, tive o cérebro amolecido, a cabeça que cai.
Isso quer dizer que a lagarta não se torna mais lagarta, ela se torna borboleta.
Como você pode penetrar a Multidimensionalidade mantendo esse corpo?
Portanto, aí, há percepções.
É um fenômeno de alinhamento com a Luz e de vivência da Luz.
É um estado em que, justamente, para aqueles que o vivem durante os alinhamentos, não há mais nada.
Não há mais identificação ao corpo, não há mais imagem.
Há apenas a Vibração da Luz Vibral e do Amor.
E nada mais.

Questão: quem me fabricou no Universo?
Você se fabricou sozinha.
Em contrapartida, os mundos carbonados foram fabricados pelos mestres geneticistas, bem antes da Falsificação.

Vocês podem participar de toda a Criação, de maneira Livre, quando vocês são Multidimensionais.
Quer dizer que vocês podem penetrar uma forma, pela necessidade de sua vivência, onde quer que seja.
E vocês se tornam essa forma, mas sem estarem fechados no interior dessa forma.

Portanto, há formas de Vida, em particular nas Dimensões, que se vai chamar de relativamente baixas (mas não é pejorativa, essa noção), em Vibrações suficientemente pesadas, que foram, literalmente, criadas pelos mestres geneticistas.
Mas, como lhes disse a FONTE, e como nós o dissemos: enquanto vocês são identificados a esse corpo, vocês creem que são esse corpo, ou esse Espírito, nesse corpo.
Não, é falso.

Tudo o que está aqui é uma Ilusão e uma projeção.
Portanto, é-lhes solicitado sair, não unicamente da prisão, mas considerarem-se, vocês mesmos, como não existentes.
Todos os seres que viveram a Unidade disseram isso, à maneira deles.
E martelaram isso, permanentemente.
E vocês não podem penetrar a Eternidade e a Existência quando aderem ainda à sua própria projeção.

Portanto, quem criou?
Mas vocês são os Criadores.

Quando se diz que, no Interior de cada Consciência Unificada, há o conjunto da Criação, é a estrita Verdade.

Aí também, vocês têm dificuldade para concebê-lo, porque vocês falam em termos de distância.

Por exemplo, tal sistema solar está situado a tantos anos luz.
Mas porque vocês estão no exterior.
Quando vocês penetram no Interior, são vocês, tudo isso.
Então, o cérebro não pode compreendê-lo, tampouco.
Apenas o Coração é que pode experimentá-lo e vivê-lo: isso se chama a Unidade.

Questão: ontem, sentia-me na paz, e tive lágrimas, que não senti como relevando de uma emoção. A que isso corresponde?
As lágrimas assinalam (quando não é uma emoção ou uma lembrança, eu repito), uma reconexão à Essência.
É uma Alegria que se exprime assim.
Uma Alegria de natureza não emocional.
As lágrimas podem correr, sem que ali haja emoção.

Questão: temos três pontos AL diferentes: aquele do ponto de partida, na raiz dos cabelos, deslocado pela reversão do triângulo luciferiano, e aquele da ponta do nariz?
Bravo! Medalha! Vejo que você sabe contar.
O ponto AL é o marcador, quando a Lemniscata, em sua parte da linha do nariz está ativada, que traduz a ativação do 12º Corpo e de sua fusão com o 11º Corpo, que propicia a Visão Etérea.

Agora, é uma visão: lembrem-se de que as estruturas que vocês implementam são as estruturas do Corpo de Existência.
Vocês constroem, ao idêntico, o Corpo de Existência que está presente no Sol.
Portanto, efetivamente, há pontos localizados em sua estrutura física, que vocês percebem.
Porém, essa visão é um simples reflexo da Verdade nas outras Dimensões.
Nós insistimos sobre esses pontos porque a Consciência é Vibração, mas, compreendam, efetivamente, que há dezenas de Circuitos Vibratórios que se implementam.

Por exemplo, é como se vocês tivessem um bebê que aprende a andar, e é como se um professor de anatomia viesse e tentasse explicar onde se inseria cada músculo, esperando que o bebê aprendesse a andar.
Isso seria totalmente ilógico, não é?
É preciso fazer a experiência do andar.

Como um bebê faz a experiência do andar?
Primeiro, encontrando um equilíbrio.
Em seguida, apoiando-se na planta dos pés e tendo sensores ao nível dos pés.
Ele não se importa em saber se há tal osso em tal lugar, e que tal artelho vai desempenhar tal função.
Ele o vive.

Portanto, é exatamente a mesma coisa para seu Corpo de Existência.
Nós atraímos, simplesmente, a Atenção sobre Vibrações, nós Vibratórios, se preferem.
Porque, levando a Consciência sobre esses pontos de Vibrações, como vocês o fizeram aqui, vocês os colocarão no serviço e vão se servir disso.

Mas não é questão, como lhes disse UM AMIGO, de detalhar todos os Circuitos.
Os meridianos de acupuntura do corpo, aqui, funcionam.
E, no entanto, vocês os conhecem?
Vocês veem a diferença?

O importante é ter as estruturas Vibratórias que lhes permitem (no caso, se se toma o exemplo do andar) encontrar seu equilíbrio e apoiar a planta dos pés no bom lugar.
É tudo.
O resto tornar-se-á inteiramente natural, quando vocês estiverem em seu Corpo de Existência.
Vocês não terão que se colocar a questão.

Por exemplo, se eu quero mover o braço (para colocá-lo ali), não vou me colocar a questão de saber quanto espaço eu devo deslocar o braço para colocá-lo ali.
Isso se faz automaticamente.
É exatamente o mesmo princípio para a constituição do Corpo de Existência.
Atualmente, vocês sentem todos os pontos de Vibrações de algumas Estrelas, porque tudo isso se movimenta.
Naturalmente.

Não há, para muitos de vocês, mais necessidade de pensar nisso, para que estejam em Vibração.
A Luz é Inteligente, muito mais do que você (quando eu digo você, é você, no sentido da personalidade, é claro).

Por momentos, vocês sentirão uma Estrela ou um grupo de Estrelas e, depois, a um dado momento, vocês sentirão todas as Estrelas, ao limite, sem poder distingui-las umas das outras.
Portanto, não há necessidade de formalizar, na cabeça, uma vez que tudo isso é destinado a levar sua Atenção e, depois, a estabelecer-se sozinho.
Se vocês tentam colocar o ponto AL no ombro, eu garanto que ele não irá para o ombro, portanto, vocês não podem enganar-se.

Há seres que vivem essas Vibrações sem mesmo saber o que são esses pontos.
Há seres, neste planeta, que, sem estarem a par do que isso seja, vivem a totalidade desses Circuitos, uma vez que é uma ressonância de campos, que é acessível a todo o mundo.
Não é a explicação que cria a função.
Não é porque vocês têm a explicação, que isso vai Vibrar melhor do que naquele que não tem qualquer explicação.

Então, é claro, para aquele que vive isso pelo trajeto AL-AL, isso me parece um pouco difícil.
Porque, necessariamente, se vive isso, a pessoa que não está a par das explicações tem já certo número de mecanismos, que ela vive, que provam que ela está num caminho espiritual (isso não existe de outro modo).
Mas a explicação não deve substituir a vivência.

Há, por exemplo, ao nível da Coroa Radiante da cabeça, pontos que se ativam, atualmente, sobre os quais jamais falamos, e sobre os quais UM AMIGO jamais se exprimiu.
Vocês têm, todos, pontos de percepção na cabeça que nada têm a ver com as Estrelas (que estão na pequena Coroa).
O importante é vivê-lo, não é a explicação.

Questão: eu coloco, no entanto, muito boa vontade.
A boa vontade não conduzirá jamais ao Coração.
Isso faz parte de sua história pessoal.
Há, entre vocês, quem sente todos os pontos e que já penetrou a Existência.
Outros, que não penetraram a Existência, e que sentem unicamente a Coroa da cabeça.
E outros, que sentem a Coroa do Coração.

O que isso quer dizer?
Não se pode estar cortado desse gênero de sentir, porque está ligado à penetração da Luz.
É a Luz que, penetrando em vocês (pelo Supramental e, agora, pelo Coração), ativa esses Circuitos.

Quando vocês fazem trabalhos, vocês focalizam sua Atenção e sua Consciência nesses pontos.
Agora, será que lhes foi dito que isso devia abrir-se, assim, em dois minutos?
Há aqueles que nada fizeram e que estão abertos.
E outros, que buscam, e que fazem muito trabalho, e que não estão abertos.
Isso faz parte do destino de cada um.

Agora, vocês sabem que o mês da Graça ainda não terminou.

Há seres que, por exemplo, nada sentiam desde anos, seguindo, ao mesmo tempo, os Casamentos Celestes, e que se abrem, agora, de repente.

Há seres que sentem esses pontos de Vibração há vinte anos.
À época, eram necessários anos para sentir um ponto de Vibração, ao nível dos Novos Corpos.
Hoje, aqueles que se abrem põem-se a sentir quase tudo de repente.
Mas, ainda uma vez, eu insisto: a boa vontade não é absolutamente um elemento suficiente nem necessário.
Porque a boa vontade é exatamente o contrário do Abandono à Luz.

E existem alguns seres em que é preferível, pelo momento, não viver essas Vibrações, porque o ego destas se apreenderia.

Agora, eu não digo que é seu caso, isso pode ser outra coisa.
Mas isso quer dizer, em definitivo, que não é ainda o momento.
Mas poderá ser o momento amanhã.
Não basta desejar ter o Coração aberto para que o Coração seja aberto, não é?
Sem isso, toda a Terra estaria aberta, com todos os seres humanos que reivindicam o Coração.

Questão: como funciona o Verbo criador? Cria-se realmente o que se pensa?
Jamais!
É uma Ilusão.

Mostre-me alguém que é capaz de criar um amendoim.
Vocês criam ressonâncias e linhas de ressonância que podem, ao final de certo tempo, fazer de vocês Criadores de sua própria realidade.
É a Lei de Atração e de Ressonância.

Mas a Lei de Atração e de Ressonância nada tem a ver com o Verbo Criador.
O Verbo Criador é o que se abre, atualmente, para aqueles que vibram ao nível do 11º corpo.
E, ainda, não há Criação Instantânea.

A Criação Instantânea será eficiente quando vocês penetrarem na Existência, uma vez que vocês se tornam o que criam, e criam o que vocês se tornam, a cada instante.
Lembrem-se de que o ser humano, nós, temos, todos, tendência a imaginar que, porque dizemos algo, é uma realidade.
Isso se chama: as crenças.

Você pode crer no CRISTO durante milhares de vidas; não é por isso que o CRISTO será real para você.
As crenças são os obstáculos para a experiência.

Enquanto você não está desembaraçado de suas crenças e de sua boa vontade, enquanto você está na Dualidade, enquanto você considera que tudo está ligado ao Bem e ao Mal, você não pode penetrar a Unidade.

É necessário, já, aderir ao princípio da Unidade.
O problema é que o ser humano está confinado nessa Dualidade Bem / Mal.
E tudo, na vida, está sob a influência do cérebro, o mais arcaico, que vai dizer-lhes: «isso é bem, isso é mal».
Enquanto vocês não superam isso, vocês não têm acesso à Vibração.
Não é uma questão de boa vontade, é uma questão de Abandono à Luz.
Mas isso foi desenvolvido muito, muito longamente.

Do mesmo modo (por exemplo, nos ensinamentos orientais), antes dos Novos Corpos, foi feita referência aos chacras, com descrições extremamente precisas (anatômicas, fisiológicas, energéticas etc.).
Vocês leem isso. Então, vocês dizem: eu creio nos chacras; mas será que vocês vivem os chacras?
Será que vocês sentem a rotação dos chacras?
E, no entanto, eles estão aí.
É o mesmo processo.

Um chacra gira sempre; sem isso, vocês morrem, mas ele gira no mínimo.
Quando ele se põe a girar, realmente?
Na fase de abertura.

Agora é diferente, porque, com os Novos Corpos, são estes que tomam a dianteira da cena.
Mas, no tempo antigo, quanto ao despertar do Kundalini, vocês podiam ler tudo o que quisessem, sobre o Kundalini. Mas será, contudo, que isso despertava o Kundalini?
Existe certo número de barreiras.
Essas barreiras estão ligadas à sua própria Consciência.
Não há qualquer barreira exterior.

Agora, há seres que vivem o abrasamento total e a Fusão na Unidade, cada vez mais, agora, sem passar, mesmo, pela ativação ponto por ponto.
Tudo é diferente para cada um.

Mas não se pode ser cortado desses sentires.
Se não se sente, é que isso não está aí, sobretudo para esses Novos Corpos.
Não confundam o Verbo Criador com o pensamento criador.

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Então, caros amigos, eu lhes agradeço por sua Atenção.
Todo o meu Amor os acompanhe.

E aqueles que não Vibram ainda, Abandonem-se à Luz e vocês Vibrarão instantaneamente.
É efetivamente a única Verdade que se pode dizer, se vocês não Vibram.

Não há qualquer obstáculo fisiológico.
Não há qualquer obstáculo exterior, sobretudo dada a quantidade de Luz que se derrama sobre a Terra atualmente.

Então, é claro, vocês não estão todos ao nível do Fogo do Coração, mas a Cruz da Redenção, ela está na cabeça: vivê-la, isso quer dizer ser Crucificado, quer dizer Abandonar toda vontade.
E abrir-se à Luz, ao limite, isso quer dizer: não mais estar aí.
A partir desse momento, a Luz precipita-se em vocês, uma vez que ela está aí.

E eu lhes digo até muito em breve.
Fiquem bem.

__________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo, se deseja divulgá-lo, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

http://minhamestria.blogspot.com/

http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails