((((* "O QUE VEM SEMPRE ESTEVE AQUI, A PAZ ESTA DENTRO DE TI E SO VOCE PODE TOCALA, SER A PAZ SHANTINILAYA, NADA EXTERNO LHE MOSTRARA O QUE TU ES. NADA MORRE POR QUE NADA NASCEU, NADA SE DESLOCA PORQUE NADA PODE SE DESLOCAR VOCE SEMPRE ESTEVE NO CENTRO, NUNCA SE MOVEU , O SILÊNCIO DO MENTAL PERMITE QUE VOCÊ OUÇA TODAS AS RESPOSTAS" *)))): "ESSÊNCIAIS" "COLETÃNEAS " "HIERARQUIA" "PROTOCÓLOS" "VÍDEOS" "SUPER UNIVERSOS" "A ORIGEM" "SÉRIES" .

quarta-feira, 23 de março de 2011

SNOW – 20-03-2011 - AUTRES DIMENSIONS

Snow - 20-03-2011


Meu nome é Snow.
Irmãos e Irmãs da Terra e Irmãos e Irmãs do Céu, eu venho a pedido de Maria trazer, se isso for possível, uma iluminação.

Eu empregarei minhas palavras, eu o espero para vocês, aquelas da simplicidade.

A hora em que a Terra vê o despertar da Fênix realizar-se, a hora em que o tam-tam da Terra soou e ressoou, a hora em que o Grande Espírito se revela no Céu é a hora, também, de entoar esse despertar em cada um de vocês.

Eu venho trazer, com minhas palavras, aquelas da vida simples que eu levei, bem antes que sua vida de agora fosse invadida desta modernidade, que trouxe um conforto exterior e um desconforto Interior estivesse presente.

Eu venho, com minhas palavras, trazer uma iluminação diferente do que se vive e do que há a viver para vocês.

Então, eu acolho, portanto, suas perguntas com uma grande alegria e tentarei ali aportar esta iluminação específica, esta clareza, aquela procedente da vida porque, mesmo nesse mundo falsificado, como vocês o chamam no ocidente, a vida sempre esteve presente, não pode ser de outro modo.

Simplesmente hoje os Irmãos e Irmãs encarnados são chamados a manifestar uma outra gama e uma outra qualidade de vida, uma vida onde tudo será e onde tudo é já, para alguns de vocês, Unificado e Unidade.

Então, eu lhes dou a palavra e espero ser uma ajuda para aqueles de vocês que têm necessidade mais de clareza.

Questão: por que, nesse momento em que a lagarta se torna borboleta, há mais encarnações?
Minha Irmã, muito numerosos Espíritos desejam, efetivamente, viver de maneira efêmera este afluxo de Luz numa estrutura densa.

Essas encarnações são apenas temporárias.
Elas não comprometem o Espírito em algo de tão longo como a maior parte de vocês viveu.

Assim, essas encarnações, muito numerosas, são apenas o reflexo de inúmeros Espíritos, ao mesmo tempo para assistir a Ascensão da Terra e, ao mesmo tempo, para assistir, na carne, a chegada da Luz.

A experiência que vive a Terra, que vivem aqueles que estão encarnados e aqueles que não estão (a liberação de um universo), é um fenômeno, em resumo, raro porque, o que são oitenta e um universos no conjunto de universos e de Dimensões?

Mas este elemento raro acompanha-se de uma eclosão de Luz.
Esta eclosão de Luz, esse retorno a esta Clareza, esse vôo da Fênix é um momento único.

E muitos Espíritos livres, que não pertencem a esta Dimensão desde muito tempo, fizeram a escolha da carne para viver isso.

Os objetivos são múltiplos, mas, de algum modo pode-se dizer que todos esses Espíritos que se encarnam querem festejar um evento único.

Questão: quando do estabelecimento de contato com uma árvore, segundo suas indicações, eu senti um turbilhão, mas não tive mensagem. Por quê?
Minha Irmã, por que querer sempre palavras?
O turbilhão, o contato, a comunicação a mais importante é esta, e não a mensagem.


Uma árvore pode efetivamente falar com um humano.
Esta é uma possibilidade, mas não é obrigatória.

A comunicação de que falei é exatamente o que você viveu.
Porque, nesta interação, porque é uma, há crescimento de sua própria consciência.

Somente o humano tem sempre tendência a querer palavras, colocar em palavras, todo o tempo, o que é vivido.

A mensagem era a Vibração e o turbilhão, nada mais.

Por que querer a todo custo palavras?
Atualmente, quando inúmeros Irmãos e Irmãs encarnadas redescobrem uma comunicação direta, passando pela Vibração, pelos olhos, pelo olhar, pelo Coração, onde as palavras tornam-se supérfluas?

Não se esqueçam de que as palavras, sem exceção, estão presentes apenas nesta Dimensão falsificada.

Em outros lugares e além não há necessidade de nada mais além da Vibração da Consciência.
A comunicação a mais clara se faz através dela e não através de palavras.

Uma palavra pode ser interpretada.
O sentido de uma palavra para um, não é o sentido de outra palavra, ou o sentido da mesma palavra para outro, daí a confusão.


Eu não falo mesmo da barreira da língua, mas simplesmente do que é veiculado como Vibração, no interior de cada um, pelas palavras que vocês empregam, que nós empregamos.

A mesma palavra é percebida muito diferentemente.

Para além mesmo da Vibração da palavra que é pronunciada há toda uma vivência, toda uma história que é própria a cada um.

A palavra jamais foi, e não será jamais um meio de comunhão.
É um meio de interação, mas nós sempre dissemos para ir para além das palavras.

Comunicar com uma árvore é uma comunicação Vibratória.

Então, para alguns, palavras podem ser formadas, mas o mais importante não é isso, porque as palavras são sempre o que é monopolizado e tornado prisioneiro pelo mental.

A nova comunicação, nos mundos Unificados, não passa jamais pelas palavras.
Não há palavra.
Tudo é instantâneo.

Uma Consciência comunica-se com outra Consciência no instante.

Os conceitos que são veiculados não podem ser deformados ou transformados porque há um reconhecimento Vibratório, que é efetivamente diferente do reconhecimento de palavras.

Então, o que você tem vivido é inegavelmente algo que deve se reproduzir.
Então, as sensações da comunicação, as percepções, o sentir poderão simplificar-se ainda mais.

Então, indo para a simplificação, você se aperceberá por si mesma que, nesta comunicação que se faz de Espírito a Espírito, não há necessidade de palavras.

Isso é válido para uma árvore, mas isso é também válido para outro ser humano.

Aprendam, porque vocês têm realmente, agora, a possibilidade para comunicar-se com a Terra e com seus Irmãos e suas Irmãs sem palavras.

Tudo pode ser dito por um olhar, tudo pode ser trocado através da Vibração do peito.

Esta linguagem é uma linguagem coerente, que não recorre à interpretação, que não recorre à suposição ou à projeção.

A Natureza fala, na totalidade.
A Terra fala.

Aqueles que são capazes de entender a Terra compreenderam que o tempo de sua Ascensão chegou.

Aqueles que falam com o Céu e que se comunicam com o Sol compreenderam o que diz o Sol através de sua irradiação.
Não há necessidade de palavras para isso.

As palavras são uma barreira e um obstáculo.

Então, certamente, nós empregamos palavras, mas aqueles que sabem ler para além das palavras percebem a Vibração das palavras e não mais as palavras.

As palavras não têm mais sentido.

Algumas Estrelas são capazes, aliás, através de jogo de palavras, de irem bem além das palavras.

A Natureza os engaja, também, para irem além desta comunicação que, de nosso ponto de vista, nós chamamos primário.

Em minha vida eu pronunciei muito poucas palavras e, no entanto, eu me comuniquei com o conjunto da Terra e o conjunto do Céu, e o conjunto da Natureza.

Não havia necessidade nem de palavras, nem de proximidade.
É isso que vocês devem redescobrir e aplicar hoje.

Questão: sinto a Coroa da cabeça, o sacrum, mas não a Coroa do Coração.
Não há, minha Irmã, nesse momento mesmo, uma reunificação.
Isso lhes foi dito em inúmeras reprises.

Alguns vivem a Coroa Radiante da cabeça.
Outros, a Coroa Radiante do Coração.
Outros, enfim, a Coroa inferior ou o Triângulo sagrado.
Alguns vivem as três.

O que se pode dizer é que alguns, também, vivem uma e a outra, e não a terceira.
Alguns, enfim, vivem unicamente o Coração e não as duas outras.
Porque vocês têm, cada um, um caminho diferente, cada um, um destino diferente e uma destinação diferente.
Cada personalidade que acolhe essas Vibrações é também diferente.


Alguns seres devem esperar o vôo da Fênix para viver a Vibração do Coração.

O importante sendo ter, agora e já, uma das Coroas ativa.

Obviamente, a porta de saída sendo o Coração, não há outra porta de saída.
E talvez alguns seres, alguns Irmãos e algumas Irmãs, se a porta estivesse aberta, sairiam.

Mas, pelo momento, como nós todos o dissemos, seu lugar é aqui.
Se seu lugar não fosse aqui, sobre esta Terra, vocês teriam já partido, de uma maneira ou de outra.


Questão: em que consiste o fato de ter a Coroa Radiante da cabeça ativa?
Minha Irmã, enquanto a junção, como lhes disse Maria, entre a Coroa Radiante da cabeça, a Cruz da Redenção e o canal do Éter não estiver inteiramente realizada é, para a maior parte de vocês, difícil sentir as doze Estrelas.

Alguns de vocês sentem simplesmente algumas Estrelas, em relação com seu trabalho e sua evolução de Luz.
Alguns vão sentir a Coroa, sem sentir os pontos.

Do mesmo modo, ao nível da Coroa Radiante do Coração, alguns vão sentir os pontos chamados Maria, Miguel ou Cristo e outros não vão sentir esses pontos, mas simplesmente um calor, sem poder localizar precisamente.

As traduções e a manifestação desta consciência são muito diferentes para cada um.

Uns e outros lhes deram as principais linhas.
Pelo instante, algumas coisas não foram ainda desvendadas.

Alguns vão se encontrar com pontos limitados, mas extremamente fortes, ou desagradáveis, ao nível da cabeça.
Isso significa que esta Estrela, esta ressonância do DNA, esta ressonância do cérebro, esta ressonância do Coração, tem necessidade de ser colocada à frente, para a evolução de Luz que é própria a cada um de vocês.

Alguns têm necessidade de mais Profundidade, outros, de mais Unidade, outros, de mais Precisão.

Eu repito, lembrem-se de que são Virtudes que estão presentes em vocês e que nós, umas e outras, encarnamos, a um dado momento.

As doze Virtudes estão raramente ativas ao mesmo tempo.
Isso pode ser, mas será revelado quando da junção entre o canal do Éter, em sua parte superior, entre o Coração e a boca e, sobretudo o nariz, que se traduzirá pela junção do ponto AL do nariz e do ponto AL da cabeça.
Naquele momento, o vôo da Fênix ocorrerá.

Alguns de vocês o percebem já, e estão prontos.

Questão: o que você chama o vôo da Fênix?

O vôo da Fênix é a Ascensão da Terra, em sua linguagem.

É o momento em que a Terra se libera, inteiramente.
É o momento em que o som do universo, o canto do universo torna-se audível.
É o momento em que não há mais confinamento.
É o momento em que vocês reencontram a liberdade de ir e vir nesse mundo que será transformado como, aliás, ali residir ou retornar para onde os leva o que vocês são.

O vôo da Fênix é o momento da Ascensão da Terra.
A Terra deu à luz.
O parto está em curso.
Isso se chama o vôo da Fênix e isso é acompanhado pelo som da Terra que muda.

O tam-tam da Terra não é mais o mesmo.
Isso se acompanha também de mudanças na posição das estrelas do Céu, da lua, do Sol.
É o que está se produzindo, nesse momento mesmo.
É o momento em que vocês não estarão mais presos a esse corpo e em que vocês irão para onde os leva o que vocês são.

Questão: o que advém das pessoas que se suicidam?
Eu sei efetivamente que, segundo a tradição ocidental, segundo os «disse-me disse», a alma de um suicida deveria sentir-se culpada.
Isso é absolutamente falso.

Mas o problema é que as crenças podem segui-los para além da vida aqui, no além.
As crenças são pesos do outro lado.

Assim, se um suicida crê que ele vai para a maldição, ele irá para essa maldição que ele mesmo terá criado.
Se um suicida é persuadido de se liberar e juntar-se à Luz, ele irá para a Luz.

Questão: que se chama o Manto Azul de Maria?
Cada Consciência que vive nos mundos Unificados, segundo a Dimensão em que esta Consciência vai manifestar sua forma, vai tomar certo número de Vibrações.

O que é chamado o Manto Azul de Maria corresponde a uma Vibração.
Esta Vibração é aquela do Manto da Graça, estendido essencialmente sobre os mundos de Sírius A e de Sírius B.

Outras entidades portam um Manto de outra cor ou da mesma cor.

O Arcanjo Miguel também, em sua forma de quinta Dimensão, é revestido de um Manto Azul.
Esta capa ou esse Manto Azul reveste o significado de que essas Consciências que portam esse Manto são revestidas da Graça e que elas são capazes, em sua esfera de intervenção, aqui como em outros lugares, de preencher de Graças de outras Consciências.

Questão: qual é o papel dos pássaros e de seu canto em nossa Dimensão?
Minha Irmã, existem muito numerosos pássaros, não se pode generalizar.

A única coisa que é generalizável é que os pássaros pertencem ao Ar e não à Terra.
Eles são, de algum modo, e isso há na maior parte das tradições, mesmo junto a nós, Mensageiros.

Assim, mesmo um Arcanjo é um pássaro em outra Dimensão bem mais elevada.
A Dimensão de origem de Miguel, de Uriel, na 18ª Dimensão, é um pássaro de Luz.
Então, os pássaros são também paraísos sobre esse mundo.

Eles têm também um papel mais carnal, eu diria, que é, a priori, uma carne para consumir e consumível para aqueles que não podem dispensar a carne.

Os pássaros têm, portanto, múltiplos papéis.
A pomba não tem a mesma função que a águia.

Existem, aliás, também povos estelares cuja origem situa-se ao nível desta forma, em todo caso de rosto, de pássaro (os Carians).

Assim é, por exemplo, da Dimensão original daqueles que vêm de Altair.
Chamam-nos, aliás, as Águias.
Alguns dos Melquisedeques vêm de lá.

Os pássaros, enfim, pertencendo ao ar, são os primeiros, com aqueles que pertencem à água (porque a água e o ar são meios importantes), os povos da água e os povos do ar são os primeiros a deixar esse mundo, nesse momento.

Os povos da Terra e, em particular, os mais sagrados da Terra, que vocês chamam as vacas (ou os bisões, para nós), estão também deixando a Terra, em alguns lugares.

Questão: poderia falar da Ordem dos Melquisedeques?
Meu Irmão, esse não é tanto meu papel, mas posso dizer algumas palavras.

Eles são vinte e quatro.
Vinte e quatro como a Consciência Unificada.
A Consciência Unificada funciona sempre a seis, doze ou vinte e quatro Consciências.
É o melhor modo de criar um equilíbrio dinâmico.

Esta associação de vinte e quatro Consciências, num objetivo específico, como é o caso para os Melquisedeques corresponde, de algum modo, a uma garantia do retorno à Unidade, ajustando-se ao mais perto das necessidades e dos imperativos da falsificação.

Os vinte e quatro Anciões são onipresentes, mesmo junto a nós, em nossas tradições.

O Conselho dos vinte e quatro, os Melquisedeques, os vinte e quatro Anciões, tantas denominações para aqueles que se sentam, em reunião, em torno da Luz.

Assim, aqueles a quem vocês chamam os Melquisedeques são aqueles que estão encarregados de velar para o estabelecimento da Luz nos mundos falsificados.
São seres de experiência, porque eles percorreram os caminhos da encarnação, de maneira geralmente extensiva e importante, conhecendo todos os encadeamentos e todos os cordões da encarnação, nesses lados energéticos, nesses lados de consciência e mesmo de conhecimento dito oculto.

Eles foram, cada um deles, Mestres no seu domínio, controlando, portanto um domínio específico, tanto ligado à cura, como à transformação, como à energia, como à consciência.

Aí está o que posso dizer sobre isso.

Questão: há 2.000 anos Cristo incorporou Jesus. Qual é hoje o papel de Jesus?
Jesus era uma entidade que portou o Cristo, inteiramente.
Simplesmente sua mensagem foi transformada para fazer dele um Salvador exterior, enquanto que não existe absolutamente qualquer Salvador exterior.
É uma crença.

Hoje, é Cristo que volta a vocês, em seu peito.
É seu estado de Cristo que se desperta.

É você mesmo que se salva a você mesmo, acolhendo o Cristo e a Luz.

Agora, a entidade histórica pertence a uma história.
Então, pode-se sempre colocar palavras nas histórias e nomes nas identidades.

O mais importante não é isso, mesmo se eu me chamo ainda hoje Snow apresentando-me a vocês, o importante é a Vibração que eu veiculo.

Em linguagem Vibral é Ki-Ris-Ti, quer dizer, o Filho Ardente do Sol.
É aquele que reencontrou sua Dimensão solar fusionando com Cristo e fusionando com Miguel, como o fez Jesus em sua vida.

Querer, hoje, no que você tem a viver Interiormente, reencontrar uma história, qualquer que seja, ainda que fosse a mais prestigiosa, não tem qualquer sentido porque há um perigo enorme, é o de vislumbrar que você depende de algo ou de alguém para realizá-lo e despertá-lo, e ser salvo, o que, aliás, é apenas você mesmo e a ilusão.

Mas apenas você é que pode se salvar da ilusão.

A Luz está aí para isso, ela não tem necessidade de personificação, ainda que cada uma de nós, cada um dos Arcanjos devam se revelar no Interior de vocês.
Isso nós o dissemos, tanto os Arcanjos como nós, as Irmãs, pela Vibração.

É o mental que busca sempre monopolizar um papel ou uma função histórica passada, que não tem qualquer sentido no presente.

Hoje, vocês entram na era da Luz e da Consciência.
Vocês não têm necessidade do peso do passado.
Bem ao contrário, vocês devem se liberar dele, inteiramente.


Nenhuma crença os fará sair da ilusão.
Apenas a experiência do Coração é que os faz sair dela.
E a experiência do Coração, eu repito, não se importa com histórias, quaisquer que sejam.


Questão: quem são as Sementes Estelares?
Meu Irmão, as Sementes Estelares são vocês todos.

Lembrem-se de que vocês têm uma visão limitada, uma concepção limitada, crenças que são procedentes da formatação desse mundo e da transformação desse mundo.

Então, Sementes Estelares significa, simplesmente, que vocês são todos Estrelas a se tornar, ou que devem reencontrar sua Dimensão de origem, como nós todas.


O que vocês veem no Céu não é a Verdade.
O que vocês veem com seus olhos não é absolutamente a Verdade.

Assim, a denominação que lhes foi conferida pelo Arcanjo Miguel é um apelo às suas lembranças (não na memória desse mundo, mas na memória da Eternidade), do que vocês são, para além da aparência desse corpo, para além do que vocês creem ser.

Uma Estrela é uma Luz que brilha.
Uma Estrela não é unicamente um Sol.

Lembrem-se: vocês são Cristo, quer dizer, Filhos ardentes do Sol e vocês são também Estrelas, sementes Estelares ou Estrelas, para aqueles que estão despertos.

Questão: o processo ascensional de Gaia é para logo?
Mas não é para logo, minha Irmã, está em curso.

Agora, se você quer uma data, quem é que quer uma data, se não é o mental, para poder agenciar sua vida segundo esta data?
Se não é uma projeção de um medo ou de uma alegria, um prazer, antes?

Isso está em curso agora.

Como é preciso dizê-lo?
Minhas Irmãs o disseram, os Arcanjos o disseram, os Anciões o disseram, múltiplos canais o disseram.

O que você precisa mais?

Olhem ao redor de vocês.
Escutem o pulso da Terra, olhem o Sol, olhem os animais que deixam a Terra.

Por que se colocar a questão de saber se é amanhã ou depois de amanhã, uma vez que isso está em curso agora?


Não temos mais perguntas, agradecemos.

Meus Irmãos e minhas Irmãs, eu lhes transmito todo o Amor que uma Estrela pode lhes transmitir.

O momento de nossos reencontros está muito próximo, ele é agora.

Aqueles que percebem o canto da Consciência, da Vibração, sabem por experiência.

Eu terminarei nessas palavras: prestem atenção para jamais ferir aqueles de seus Irmãos que têm outras crenças que a Verdade, aqueles que estão apegados às suas próprias limitações.

Contentem-se de estarem na vibração.

Isso é verdadeiramente o essencial.

Meu Amor os acompanha.
Até breve.

Postado por Thaís
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo, se deseja divulgá-lo, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

http://minhamestria.blogspot.com
http://a-casa-real-de-avyon.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails